terça-feira, 13 de dezembro de 2016

Alto Paraíso de Goiás: Cerrado tem destaque em evento no México



O Bioma Cerrado foi o centro dos debates no sábado, dia 10, durante a 5ª Cúpula Mundial de Biodiversidade das Cidades, realizada em Cancun, no México.

Ao discutir formas de otimizar o uso dos serviços ecossistêmicos através de estratégias de manejo da biodiversidade, o representante do Grupo de Desenvolvimento Sustentável da Secretaria do Meio Ambiente (Secima), João Marcos Bertoldi, falou sobre as características especiais do Cerrado e potencialidades do Estado de Goiás.

Falou também das ações realizadas para a proteção da biodiversidade local, a exemplo da integração das instituições públicas para implementação dos 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) em Alto Paraíso de Goiás.

Outras ações foram apresentadas, como o Programa Cultivando Água Boa, no Nordeste goiano; ICMS Ecológico; Compensação para produtores de Água; Áreas Protegidas; Cadastro Ambiental Rural (CAR), Legislação Estadual sobre Áreas Protegidas; Compensação Ambiental e participação na Pataforma de trocas de conhecimentos em Biodiversidade Rede de Governos Regionais para o Desenvolvimento Sustentavel (nrg4SD).

No domingo, dia 11, a Rede de Governos Regionais para o Desenvolvimento Sustentável (nrg4SD), grupo do qual Goiás é um dos mais antigos integrantes, lançou a Plataforma de Aprendizagem de Regiões para a Biodiversidade: um projeto de longo prazo para apoiar a implementação da Convenção sobre Diversidade Biológica (CDB) em nível subnacional, especialmente o Plano Estratégico de Biodiversidade 2011-2020 e os Objetivos de Aichi.

A Plataforma promoverá a aprendizagem mútua e o intercâmbio técnico sobre estratégias e planos de ação sobre a biodiversidade e sobre áreas temáticas de interesse comum e interesse dos membros participantes.

O Estado de Goias participa deste projeto piloto juntamente com a Catalunha (Espanha), Gossas (Senegal), Québec (Canadá) e São Paulo Paulo (Brasil). O período inicial da plataforma ocorreu de maio a novembro de 2016 e foi considerado muito bem-sucedido.

Explorando metodologias inovadoras de facilitação e troca de experiências, a ferramenta permitiu que os participantes conhecessem mais sobre as ações e desafios inovadores enfrentados por outros governos do mesmo nível.

A 5ª Cúpula Mundial de Biodiversidade das Cidades é uma das atividades da Conferência das Partes para a Biodiversidade COP 13.

 Comunicação Setorial da Secima

Nenhum comentário:

Postar um comentário