sábado, 14 de janeiro de 2017

Maior acidente radiológico do mundo, césio-137 vira história em quadrinhos



No ano em que a tragédia com o césio-137 em Goiânia completa 30 anos, o goiano Ronaldo Zaharijs lança, nesta sexta-feira (13), a revista “137”, uma história em quadrinhos inspirada no que é considerado o maior acidente radiológico do mundo.

A obra é uma sátira à realidade vivida pelos adolescentes na década de 1980.

O lançamento será feito nesta noite na Comic Strip, no Setor Bueno, na região sul da capital. Durante o evento, Zaharijs fará um bate-papo sobre a concepção da obra e autografará as revistas. Também vão participar Eduardo Menna, responsável pela arte, e Rodrigo Spiga, idealizador da capa.

A revista 137 tem 42 páginas de quadrinhos em preto e branco. A obra conta a história de seis jovens que resolvem passar um fim de semana em Abadia de Goiás, na Região Metropolitana da capital, local onde os materiais contaminados pelo césio-137 estão enterrados.

Segundo o autor, o objetivo do grupo era se divertir, mas os jovens acabaram surpreendidos por seres “mutantes caipiras radioativos”. A história promete sensualidade e personagens que, segundo ele, é possível “amar” e “odiar”.

Durante o lançamento da revista, a obra será vendida no preço promocional de R$ 15.



Nenhum comentário:

Postar um comentário