sábado, 2 de setembro de 2017

Alto Paraíso de Goiás recebe projeto piloto dos 17 ODS das Nações Unidas




A população de Alto Paraíso de Goiás e de municípios vizinhos, na região da Chapada dos Veadeiros, participou na quinta-feira, dia 31, do Goiás na Frente, que reuniu diversos órgãos do governo estadual para a entrega de benefícios e anúncios de obras e programas.

O governador Marconi Perillo e o vice-governador José Eliton capitanearam o evento, com a assinatura de convênios do Goiás na Frente e de atos e ordens de serviços. A abertura da solenidade contou com a execução do hino nacional realizada por músicos da Orquestra Jovem de Goiás.

Com a presença do representante no Brasil do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), embaixador Niky Fabiancic, também foi firmada a assinatura do marco de Cooperação entre o PNUD e o Governo de Goiás. Essa parceria tem o objetivo de facilitar e favorecer a colaboração entre as duas partes com o foco especial na implantação, em Alto Paraíso, do Projeto Piloto no Brasil para o alcance dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), propostos pela Organização das Nações Unidas (ONU).

Na ocasião, foram assinadas ordens de serviços de algumas das ações que vêm sendo planejadas ou já executadas em Alto Paraíso, pelo Governo de Goiás, com foco no alcance das metas dos 17 ODS.

Dentro das competências e responsabilidades da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, de Ciência e Tecnologia, Agricultura, Pecuária e Irrigação (SED), foram anunciadas: a instalação do Núcleo de Orquestra Jovem; oferta de 500 vagas em cursos de qualificação voltados ao atendimento das demandas locais; consultoria e acompanhamento dos Arranjos Produtivos Locais (APLs) de Turismo e Agroecologia com vistas à formalização destes arranjos; calçamento das ruas do Distrito de São Jorge; encaminhamento da Patrulha do Desenvolvimento para realização de recuperação de estradas vicinais; e ainda o trabalho de regularização fundiária com vistas a entrega de titulação definitiva aos ocupantes de terras devolutas.

O governador também fez a entrega simbólica do certificado do curso de Plano de Negócios, promovido pela superintendência de Micro e Pequena Empresa da SED, para a aluna Tatiana Rosa, que representou os demais alunos. Foi entregue também pelo secretário Francisco Pontes e pelo governador Marconi cheque do Banco do Povo à empreendedora Júlia Francisco Rocha.

Orquestra Jovem em Alto Paraíso

Durante abertura do programa Goiás na Frente em Alto Paraíso, o governador Marconi Perillo e o secretário de Desenvolvimento Econômico, Francisco Pontes, fizeram a entrega de 90 instrumentos para a formação da orquestra do município. Alto Paraíso é o terceiro município a ter instalado o Núcleo de Orquestras Jovens. Complementa o Programa a oferta gratuita de cursos para capacitar e profissionalizar os jovens músicos. Inicialmente serão oferecidas 150 vagas em cursos de violino, viola clássica, violoncelo, contrabaixo, trompete, trombone, trompa, tuba, flauta doce, violão e canto coral.

O Projeto Rede de Orquestras Jovens de Goiás prevê, a princípio, a implantação destes Núcleos em doze municípios goianos. Ao todo, foram investidos mais de R$ 2 milhões na aquisição de mil instrumentos musicais que vão contemplar 1.500 adolescentes e jovens. Além de Alto Paraíso, Posse e Palmeiras de Goiás, também receberão o projeto: Anápolis, Aparecida de Goiânia, Caldas Novas, Catalão, Itumbiara, Pirenópolis, Rio Verde, Trindade e Valparaíso.

Demandas rurais

A regularização fundiária é uma demanda antiga da população rural da região, assim como o calçamento das ruas do Distrito de São Jorge. Durante seu discurso na passagem do Goiás Na Frente em Alto Paraíso, o governador Marconi Perillo solicitou que o secretário Francisco Pontes priorizasse esta ação. “Sobre o calçamento de São Jorge que a gente luta e trabalha há muito tempo, eu peço ao secretário Francisco que coloque isto como prioridade número zero da Secretaria, para que a gente possa resolver e tirar isto do papel”, solicitou.

“Já estamos trabalhando fortemente com o cumprimento de todas as ações que estão sob a responsabilidade da SED. Temos promovido reuniões fixas mensais e outras extraordinárias para o acompanhamento das ações dos superintendentes da Pasta. A equipe da SED está muito motivada, acredito que em breve, estaremos iniciando as obras em São Jorge e a entrega dos títulos das terras aos trabalhadores rurais de Alto Paraíso”, informou o secretário de Desenvolvimento, Francisco Pontes.

Em seu discurso, o Governador repassou as informações do secretário Francisco Pontes à população sobre a titulação das terras, contando que no início de setembro técnicos da SED já estarão em Alto Paraíso para começar o processo de titulação das terras. Marconi Perillo foi ovacionado pelos presentes quando anunciou que em seis meses o Governo já poderá fazer a entrega de alguns títulos.

Capacitação de profissionais

Com o objetivo de qualificar os cidadãos de municípios próximos a Chapada dos Veadeiros para o atendimento às vocações econômicas regionais, a Secretaria de Desenvolvimento oferece diversos cursos para capacitação de profissionais na região. E durante a passagem da caravana do Programa Goiás na Frente, em Alto Paraíso, o secretário Francisco Pontes anunciou a ampliação da oferta de cursos que deverão atender cerca de 500 pessoas.

Atualmente, já estão em andamento os cursos de vivericultor (viveiros de mudas), de confeccionador de bijouterias, preparador de doces e conservas e de horticultor Orgânico. Ao todo são oferecidas 85 vagas para estes cursos. Para setembro estão previstos o início dos cursos de: aconselhador em dependência química, técnicas em atendimento ao público, artesão em biojoias, primeiros socorros, introdução à organização da memória documental, introdução ao estudo de plantas bioativas, estudo da aplicação de plantas bioativas, técnicas de desidratação de plantas bioativas e guia de turismo.

Os cursos, até o momento, estão sendo ministrados na Universidade Aberta. Mas a Secretaria de Desenvolvimento está fechando parceria com a prefeitura para a instalação de um Colégio Tecnológico (COTEC) da Rede Itego, no município, que abrigará todos os cursos a serem oferecidos pela SED.

Arranjos Produtivos

O secretário Francisco Pontes também destacou a ação de formalização dos Arranjos Produtivos Locais (APL) como uma importante atividade para o desenvolvimento da economia local. “Vamos trabalhar para a formalização destes APLs para que eles possam ter acesso a linhas de crédito, a cursos, feiras, workshops, entre outras ações promovidas pelo governo estadual e federal”.

Com esta finalidade, a SED vai promover reuniões com os membros dos APLs de Turismo e de Agroecologia de Alto Paraíso para prestar orientações e apoio para a formalização destes arranjos produtivos junto ao Ministério de Desenvolvimento de Indústria e Comércio (MDIC). O APL de Agroecologia reúne cerca de 60 membros e o de Turismo, 85 membros.

O projeto de apoio aos APLs também incluirá a oferta de cursos para a elaboração de um Planejamento Estratégico e a oferta de cursos de capacitação nas áreas de design, comercialização, entre outros.

Comunicação Setorial – SED

Nenhum comentário:

Postar um comentário