quarta-feira, 31 de janeiro de 2018

Aluno da rede Estadual de Arraias/TO supera o Câncer e conclui Ensino Médio





O jovem Magno Reges, de família humilde que perdeu o pai muito cedo, mas dentro das condições muitas vezes precárias, com muita luta sua mãe Maria Egina Pereira da Conceição, trabalhando em casas de famílias, cria os seus 05 filhos.

A história de superação de Magno Reges, será conhecida por cada leitor e o intuito é que sirva de incentivo aos jovens que diante de qualquer dificuldade, preferem parar a enfrentar os desafios impostos. Esse relato de vida será conhecido a partir de agora:

“No ano de 2015 no mês de junho, comecei sentir dor e mancar da perna direita, então fomos consultar no Hospital Regional de Arraiais, o médico que me atendeu disse que era apenas um hematoma que ele mesmo faria a cirurgia, quando o médico abriu o local viu que tinha uma massa dura, mandou o material para biópsia, logo após o resultado chegar fui encaminhado para o Hospital Geral de Palmas, fiquei lá por 10 dias fazendo exames, quando recebi o resultado da biópsia foi diagnosticado um Osteosarcoma, mas o Ortopedista Dr Ronaldo estava de férias, sendo que todo esse processo foi de Junho de 2015 à Março de 2016.

Durante 09 meses fiquei sem fazer nenhum tratamento, então com a notícia, algumas pessoas sensibilizaram, dentre elas a Professora do Colégio Estadual Professora Joana Batista Cordeiro Kelly Cristina Martins, Tania Araújo Freitas Alves Técnica da DRE e Walkiria Bueno O. B. Sena Assistente Social do Hospital de Arraias que com muita vontade articularam o necessário e conseguiram uma vaga no Hospital do Câncer de Barretos.

Fomos encaminhados para Barretos, quando feito todos os exames, constatou - se o mesmo diagnóstico.  Durante o tratamento, ficamos hospedados na casa Acolhedora Vovô Antônio. Iniciou se o tratamento com a quimioterapia, seriam 6 ciclos quimioterápicos, tomaria 2 ciclos, faria uma cirurgia e posteriormente os 4 restantes, logo na primeira quimioterapia  começaram os enjôos, náuseas,  vômitos, a imunidade começou cair, perca de peso, com isso tive que colocar uma sonda nasogástrica para alimentação. Quando concluído os dois ciclos fez se uma ressonância para saber o que seria decidido, na avaliação do ortopedista foi explicado que o melhor tratamento seria a amputação da minha perna.

A amputação aconteceu no dia 14 de setembro, após receber alta, fiquei mais de um mês de recuperação, quando cicatrizou comecei fazer os últimos ciclos de quimioterapia, contudo agora não sentia mais enjôos como antes, foi retirada a sonda após 05 meses de uso, voltei a comer e ganhei um pouco mais de peso. Encerrado os ciclos das quimioterapias, agora o problema era a imunidade que quase sempre estava baixa, aos poucos venci essa etapa, refiz os exames e estavam todos bem, recebi alta hospitalar no dia 19 de março de 2017.

No momento que recebi alta, houve um misto de sentimentos “alegria e tristeza” tomaram conta de mim. Alegria porque estava vindo para casa e tristeza por causa dos amigos que deixaria para trás ainda em tratamento, das pessoas que conheci dos médicos, enfermeiros, das professoras da classe hospitalar...

Chegamos  em casa no dia 20 de março, voltei viver minha rotina "normal" que nunca mais será a mesma, nos primeiros dias tinha visita de amigos e familiares a toda hora, voltei estudar com meus colegas, revi meus professores do Colégio Estadual Professora Joana Batista Cordeiro e toda comunidade arraiana que torceu e torce por mim.

Hoje estou curado graças a Deus, faço retornos trimestrais a Barretos, onde reencontro os amigos, faço novas amizades... Hoje em dia não tem maior felicidade: entrar no consultório e ouvir a médica dizer que está tudo bem!”

Para a alegria de todos envolvidos na vitória de Magno Reges em dezembro de 2017, ele conseguiu concluir o Ensino Médio na Escola Estadual Brigadeiro Felipe juntamente com a turma regular. Este é um grande exemplo a ser seguido.

Depoimento repassado  pelo aluno  Magno Pereira Reges.

Fonte: Secretaria de Educação do Tocantins

Nenhum comentário:

Postar um comentário