quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

Polícia Civil prende investigado por estupro de vulnerável em Cavalcante/GO



A Delegacia de Polícia de Cavalcante, no nordeste goiano, cumpriu, na tarde desta quarta-feira (21/02), mandado de prisão preventiva em desfavor de W. F. M., acusado da prática do crime de estupro de vulnerável, tipificado no artigo 217-A do Código Penal Brasileiro.

A diligência faz parte da Operação Lolita, destinada à repressão de crimes sexuais nos municípios de Cavalcante e Teresina de Goiás, haja vista o clamor público que estes delitos causaram em toda a comunidade local, sendo, inclusive, objeto de apuração em Comissões Parlamentares de Inquérito instauradas tanto na Assembleia Legislativa do Estado de Goiás como na Câmara dos Deputados, no âmbito federal.

Além do delegado titular da comarca de Cavalcante, George Aguiar Muniz, participaram da diligência os agentes de polícia Hélio Oliveira de Araújo Neto e Sylvio Augusto Proença Moraes. A ação contou com a colaboração do comandante da Polícia Militar local, sargento Carlos Alberto Pereira.

Fonte: PC Goiás

Nenhum comentário:

Postar um comentário