quarta-feira, 7 de março de 2018

Campos Belos/GO: Vereadores não derrubam veto e emprego de parentes de políticos, sem concurso público, é mantido



Com a ausência do vereador Gilbertinho, em viagem a Goiânia por motivo de saúde, a Câmara de Vereadores de Campos Belos, no nordeste goiano, manteve o veto do prefeito Eduardo Terra ao Projeto de Lei (PL) 004/2017 e derrubou a lei que proibia o nepotismo no município.

Foram cinco votos a favor de derrubar o veto e quatro contra.

Mesmo com maioria dos votos contrários, o veto foi mantido, porque para a derrubada de veto é necessário maioria absoluta dos vereadores da Casa (seis votos).

A posição do prefeito foi mantida e a lei caiu por terra.

Assim, continua permitido aos políticos da cidade empregarem pai, mãe, filhos, avô, avó, netos, bisavô, bisavó, bisneto, irmãos, tios, sobrinhos, padrasto, madrasta, enteados, sogro, genro, nora, cunhados, avô e avó do cônjuge e concunhados.

Votaram contra o privilégio e para derrubar o veto os vereadores Karinna Caetano, Ivone, Arione, Lucinha e Márcio Valente.

Votaram para manter o veto do prefeito os vereadores Baiano, Rodrigo do Pouso Alto, Nego da Patrol e Gilson.

Juranda, presidente da Casa, não votou.  Mas se desse empate, ele teria que votar.

A sessão foi transmitida ao vivo. Veja a gravação.

Fonte: Blog Dinomar Miranda

Nenhum comentário:

Postar um comentário