segunda-feira, 30 de abril de 2018

Após cassação de prefeito e vice, novas eleições em Divinópolis de Goiás dependem de análise de recursos, diz TSE



Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informou que a convocação de novas eleições em Divinópolis de Goiás, na região nordeste do estado, após a cassação do mandato do prefeito, Alex Santa Cruz Oliveira, e do vice, Jofre Pereira Cirineu Filho, ambos do PPS, ainda depende da análise de recurso ao plenário do órgão.

Em decisão monocrática, o ministro Admar Gonzaga rejeitou pedido dos envolvidos e manteve decisão do Tribunal Regional Eleitoral de Goiás (TRE-GO) sobre o caso.

Por conta disso, os dois permanecem inelegíveis por 8 anos e terão que pagar multa de R$ 53,2 mil cada. Eles são acusados de compra de votos, além de doação de combustíveis e passagens em troca de votos.

A reportagem tenta contato com a defesa dos políticos.

De acordo com o professor e mestre em direito eleitoral Alexandre Azevedo, se o plenário do TSE confirmar a cassação, ainda caberá recurso ao Supremo Tribunal Federal (STF), mas eleições suplementares já podem ser convocadas mesmo antes do trânsito em julgado.

"Ou seja, mesmo que os políticos entrem com ação na Justiça comum, o TSE já pode liberar ao TRE-GO para convocar novas eleições. No entanto, se a decisão do STF for contrária do tribunal regional, o que, em geral, é bem raro de acontecer, eles voltam ao poder", disse.

Ainda de acordo com Azevedo, conforme o calendário eleitoral, um pleito suplementar deverá ser realizado até o dia 3 de junho. Normalmente, essa decisão precisa ocorrer cerca de 45 dias antes, para que sejam registradas as chapas e seja realiza a campanha eleitoral.

No entanto, o professor explica que ainda há uma outra possibilidade. "O TRE-GO pode pedir autorização ao TSE para realizar a votação junto com as eleições gerais deste ano. Isso torna o processo mais econômico e atenderia uma situação logística", pontua.

A reportagem entrou em contato com o a assessoria de imprensa do TRE-GO e aguarda retorno.

Em uma eleição suplementar, qualquer cidadão pode apresentar candidatura, desde que cumpra requisitos de elegibilidade, como, por exemplo, ter nacionalidade brasileira, 21 anos ou mais e ser filiado a algum partido há pelo menos seis meses.

Compra de votos

Segundo as investigações, os crimes cometidos pelos políticos ocorreram na véspera das eleições municipais de 2016, da qual Alex e Jofre saíram vencedores.

Nos autos, consta o depoimento de uma eleitora que afirma ter recebido R$ 50 para votar na chapa do então candidato. A mulher disse que foi abordada em casa no dia do pleito. A sogra dela, testemunha no caso, confirmou a história.

Além disso, a apuração apontou que um tio de Alex adquiriu, na véspera da eleição, R$ 2,4 mil litros de gasolina em um posto de combustíveis. O montante foi dividido em vales de abastecimento de 60 e 40 litros.

A proprietária do estabelecimento, em depoimento, disse que vários veículos foram abastecer no local nos dias seguintes usando os vales.

Posteriormente, o parente do político teria ido ao posto pedindo à mulher que ela emitisse uma declaração na qual constasse que ele era cliente frequente dela. Segundo o TRE-GO, essa questão demonstra a tentativa do homem em "obstruir o andamento" da investigação.

A terceira e última situação analisada seria o repasse de cerca de 40 passagens de ônibus para eleitores de Goiânia poderem ir até a cidade para votar.

Fonte: G1

Documentos revelam que bispo e padres reconheceram o 'sumiço' de R$ 910 mil do caixa da Diocese de Formosa/GO



Documentos obtidos pelo Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO) apontam que alguns dos religiosos acusados de desvios de dízimos reconheceram a ausência de R$ 910 mil nos caixas das igrejas. O órgão acredita que o padre Waldson José de Melo, de Posse, o monsenhor Epitácio Cardozo Pereira e o bispo Dom José Ronaldo embolsavam os valores declarados como “desaparecidos”.

A reportagem tentou contato com as defesas dos religiosos por telefone e mensagem na noite de domingo (29), e na manhã desta segunda-feira (30), e aguarda posicionamento sobre o caso.

Um dos documentos, assinado pelo monsenhor Epitácio Cardozo, aponta o déficit de mais de R$ 72 mil, acumulado em 2016, no caixa da Paróquia Divino Espirito Santo, em Planaltina de Goiás, no Entorno do Distrito Federal.

Outro relatório, este assinado pelo padre Waldson e pelo bispo Dom José Ronaldo, aponta a ausência de R$ 274 mil do caixa da Paróquia Sagrada Família em Posse, no nordeste de Goiás. O montante deveria ser resultado do acúmulo das arrecadações em 2015.

Segundo o MP-GO, faltaram ainda R$ 207 mil, que também deveriam ser o saldo de 2015, mas da Paróquia do Divino Espirito Santo, em Planaltina de Goiás, no Entorno do Distrito Federal. Por fim, o órgão aponta que “sumiram” outros R$ 357 mil do caixa da Paróquia Santana, em Posse.

“Dois documentos são referentes ao monsenhor, outro ao padre Moacyr, da catedral de Formosa, e outro do padre Wladson, de Posse, com quem foram encontrados R$ 400 mil na conta. Foram três desvios de somas bastante vultosas, inclusive com assinatura do bispo, atestando que tem ciência do documento, do desaparecimento do dinheiro”, disse o promotor responsável pela investigação, Douglas Chegury.

Conforme o promotor, os documentos já fazem parte da denúncia aceita pela Justiça, portanto, os citados estão respondendo pelo crime de apropriação indébita.

Fonte: G1

domingo, 29 de abril de 2018

Tribunal de Justiça anuncia inscrições de Processo Seletivo para Estagiários para várias cidades, inclusive Campos Belos, Posse, São Domingos e Cavalcante



O Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJ - GO) está com inscrições abertas para o Processo Seletivo que visa contratar e formação de cadastro de novos Estagiários de Nível Superior.

Há 732 oportunidades para estudantes dos cursos de Administração (50); Arquitetura e Urbanismo (1); Ciências Contábeis (1); Design Gráfico (1); Direito (616); Enfermagem (1); Engenharia Civil (2); Engenharia Elétrica (2); Gestão de Recursos Humanos (10); Informática (25); Jornalismo (1); Pedagogia (20); Psicologia (5); Publicidade (1); Serviço Social (5) e Telecomunicações (2).

Vale lembrar que os alunos atuarão, entre outras, nas Comarcas de Abadiânia; Águas Lindas; Alexânia; Alto Paraíso de Goiás; Alvorada do Norte; Anápolis; Campos Belos; Cavalcante; Cocalzinho; Corumbá de Goiás; Corumbaíba; Flores de Goiás; Formosa; Formoso; Iaciara; Luziânia;   Niquelândia; Padre Bernardo; Planaltina;  Posse; Quirinópolis; Santa Terezinha de Goiás; Santo Antônio do Descoberto; São Domingos;

A Bolsa-Auxílio é de R$ 743,92, para jornada 25 horas semanais, além de Auxílio-Transporte de R$ 176,00. Para os candidatos que se enquadram nos requisitos do edital, a carga horária será de 20 horas semanais.

De forma gratuita, os candidatos interessados poderão se inscrever e também realizar as Provas online até o dia 6 de maio de 2018, exclusivamente via internet, por meio do endereço eletrônico www.ciee.org.br.

O estágio terá duração de dois anos consecutivos, sem possibilidade de prorrogação.

Já este Processo Seletivo será válido por um ano, podendo ainda ser prorrogado.

Fonte: PCI Concursos

sexta-feira, 27 de abril de 2018

Neste sábado (28), Noite de Jazz movimenta L'Alcofa, na Chapada dos Veadeiros



A harmonização entre boa música, gastronomia de primeira e um ambiente charmoso é algo que o restaurante L'Alcofa vai apresentar para o público no próximo sábado (28), a partir das 21h. O Índigo Quarteto será a atração especial da Noite de Jazz.

Índigo Quarteto é o encontro de quatro jovens repletos de brasilidade. Inspirada pela linguagem do jazz, traz arranjos e interpretações pessoais para um repertório que passa pelos standards, consagrados por Ella Fitzgerald, Billie Holiday, Chet Baker, Sarah Vaughan, entre outros. Na formação 'voz, piano, contrabaixo e bateria', o grupo é integrado por Mavi Dutra, Filipe Togawa, Felipe Lemos e Vinícius Corbucci.

Além da atração musical, a experiência se torna completa com as criações exclusivas do renomado Chef internacional Giácomo Campodonico. Os pratos disponíveis no restaurante contemplam os mais variados gostos e podem ser harmonizados com vinhos de todas as partes do mundo, disponíveis na adega da casa.

Sobre o índigo Quarteto

É o encontro de quatro jovens, repletos de brasilidade inspirada pela linguagem do jazz, que traz arranjos e interpretações pessoais para um repertório que passa pelos standards, consagrados por Ella Fitzgerald, Billie Holiday, Chet Baker, Sarah Vaughan, entre outros. Na formação 'voz, piano, contrabaixo e bateria', o grupo é integrado por Mavi Dutra, Filipe Togawa, Felipe Lemos e Vinícius Corbucci.

O L'Alcofa

Localizado em Alto Paraíso, o restaurante L'Alcofa possui cardápio assinado pelo chef italiano ,Giacomo Campodônico, para pessoas que queiram unir o bom paladar e o contato com a natureza. A alta gastronomia é um dos pontos altos do empreendimento, que funciona dentro da pousada boutique Inácia (em Alto Paraíso, Goiás).

Com uma imponente cristaleira restaurada do século XIX, que originalmente servia como vitrine de uma antiga drogaria mineira, o restaurante L'Alcofa já é considerado um dos mais sofisticados da região da Chapada dos Veadeiros.

Noite de Jazz com Índigo Quarteto

Quando? Sábado (28), às 21h

Onde? Restaurante L'Alcofa - Fazenda Almécegas, condomínio Avalovara, Zona Rural. Entrada para o Vale Verde, km 159 da GO-118.

Mais informações: (62) 99908-0895

Posse/GO: UEG abre inscrições para cursinho pré-vestibular gratuito



A Universidade Estadual de Goiás (UEG) ao longo dos anos tem firmado como a instituição de ensino superior mais inclusiva do Estado de Goiás, com sua capilaridade de ações que promovem o ingresso, permanência e término do curso à qualquer cidadão que almeje ter um diploma de ensino superior.

No Câmpus Posse essa inclusão é feita por meio de diversas ações, sendo uma delas o cursinho pré-vestibular gratuito.

As inscrições estão abertas até o dia 04/05/2018 (das 08h30min às 11h30min e 13h30min às 17h30min) na Sala dos Professores do Câmpus Posse da UEG.

As aulas ocorrerão conforme abaixo:

Início: 07/05/2018

Dias: de segunda a quinta-feira

Horário: das 14h às 17h

Disciplinas ofertadas: Português, Matemática, Física, Inglês e Espanhol.

Fonte: UEG Posse

PRF flagra mais de 400 veículos com excesso de velocidade na BR-020 em duas horas de operação



No último dia 5 de abril, entre as 14hrs e 16hrs, no km 29 da BR-020, a PRF registrou 402 veículos transitando em velocidade superior à permitida na rodovia federal.

No local a velocidade permitida é de 80 km/h conforme a sinalização da via.

 As maiores velocidades registradas foram de 183 km/h, seguidas de 171 km/h e 164 km/h. Nesse caso a infração é gravíssima e o condutor pagará multa de R$880,41, além da suspensão do direito de dirigir.

A PRF destaca que a conscientização do condutor com relação a velocidade máxima permitida na via é fundamental para a diminuição dos acidentes.

Divinópolis de Goiás tem a pior avaliação no relatório sobre portal da transparência



O Relatório do Diagnóstico quanto ao cumprimento da Lei de Acesso à Informação (Lei nº. 12.527/2011), elaborado pelo Tribunal de Contas dos Municípios do Estado de Goiás (TCMGO), identifica a situação das 246 prefeituras goianas.

Do total de municípios, 220 (o que equivale a 89,43%) foram considerados adimplentes e 26 municípios (o que corresponde a 10,57%) inadimplentes.

Os inadimplentes foram  notificados, para solucionar as irregularidades.  O relatório foi feito pela Secretaria de Licitações e Contratos, no período de setembro a dezembro de 2017,  e homologado  pelo Tribunal,  Acórdão nº 0531 de 23 de março de 2018.

O relatório foi feito pela Secretaria de Licitações e Contratos, no período de setembro a dezembro de 2017, e homologado em março pelo Tribunal.

Os auditores do TCMGO analisaram informações mínimas, que devem ser disponibilizadas aos cidadãos, exigidas pela LAI, no art. 8º, incisos I a VI do §1º, bem como da Lei Complementar nº 101/2000, especialmente quanto à transparência da gestão fiscal.

No nordeste goiano, o município de Divinópolis de Goiás tem a pior avaliação no relatório sobre portal da transparência, de 100 pontos possíveis, Divinópolis obteve somente 26 pontos, sendo o sexto com a pior avaliação no estado.

Veja abaixo os municípios com as pontuações mais baixas:


Fonte: TCMGO

Agrotóxicos proibidos são apreendidos em fazenda da Agrícola Xingu



O Ministério Público do Estado da Bahia informa que o grupo Agrícola Xingu levou uma multa de R$ 169 mil por armazenamento de agrotóxicos, na Fazenda Tabuleiro 5, em São Desidério, sem registro na Agência de Defesa Agropecuária da Bahia. E que foram interditados aproximadamente mil litros de benzoato de emamectina, “produto de uso controlado que não podia ser utilizado na propriedade”. O produto comercializado pela Syngenta foi liberado no ano passado, mas com restrições.

As informações são um balanço de ações realizadas em abril pela Fiscalização Preventiva Integrada (FPI), uma força-tarefa coordenada pelo MP em parceria com o Comitê da Bacia do Rio São Francisco, desta vez em 11 municípios do oeste baiano. Na fazenda da Agrícola Xingu foram interditados 128 quilos de agrotóxicos, segundo o Ministério Público, “e apreendidos 20 litros de produtos com suspeita de importação ilegal”.

A Agrícola Xingu teve uma receita de R$ 236,4 milhões em 2016, segundo a revista Dinheiro Rural. A empresa planta soja, milho e algodão em nove fazendas na Bahia, em Minas Gerais e Mato Grosso, em um total de 48 mil hectares. A meta para os próximos cinco anos é chegar a 100 mil hectares. O grupo Mitsui & Co (dono da Toshiba, por exemplo) está em 66 países. Em 2017 teve uma receita de US$ 39,7 bilhões.

Entre as mais de 30 instituições que participam da Fiscalização Preventiva Integrada estão a Polícia Federal, o Ministério Público Federal, o Ministério Público do Trabalho, as Policias Civil e Militar, a Fundação Nacional do Índio (Funai), o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), a Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema) e o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

Suspeita de danos ao sistema nervoso

O benzoato de emamectina foi liberado em novembro pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Segundo a Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela Vida, a Anvisa negara em 2010 o registro da substância “por suspeita de malformações e elevada neurotoxicidade, ou seja, causa danos elevados ao sistema nervoso”. A organização diz que não houve divulgação da consulta pública – que teve oito contribuições, diante de 13.114 no caso do carbofurano.

“A decisão pela aprovação do benzoato foi dada em tempo recorde”, protestou a organização, em nota. “Para banir o paraquate foram necessários dez anos, e faltam ainda três anos para o seu banimento completo. Por que tamanha demora para proibir, e tamanha celeridade para aprovar?” A Campanha Contra Agrotóxicos defende o cancelamento do registro da substância “até que a sociedade seja ouvida e consultada se deseja correr este risco”.

Fonte: De Olho nos ruralistas e Ascom FPI

Maguito admite aliança entre Daniel Vilela e José Eliton



Em entrevista à rádio Sagres 730 na manhã desta sexta-feira, o ex-governador Maguito Vilela (MDB) admitiu a possibilidade de aliança entre o seu filho, deputado Daniel Vilela (MDB), e o governador José Eliton (PSDB).

“(A conversa entre o MDB e o PSDB em Goiás) tem que acontecer. Eu não vejo motivo nenhum pra não acontecer. Toda aliança ela é saudável. Agora, é lógico que existe uma rivalidade grande aqui em Goiás. Mas eu acho que ela já foi maior no passado. Então, há ambiente pra conversar, sim”, disse Maguito durante entrevista.

Maguito, ainda acrescentou que o MDB sempre foi ponto de equilíbrio no país, “sempre ajudou na governabilidade dos governos do PSDB, nos governos do PT”.

“Eu acho que a política ela tem de ser muito bem trabalhada para favorecer o povo e o país. Se isso for melhor para o país, para o povo e para Goiás, nós temos que conversar. Por que não?”, afirmou.

Maguito reiterou na entrevista, quando questionado sobre a rivalidade histórica entre PSDB e MDB, que “há ambiente para conversar, sim” e que Daniel sempre fez “uma oposição construtiva” aos governos do PSDB no Estado.

“Os candidatos é que vão dar o tom da conversa”. Para ele, Daniel não faz “uma oposição raivosa, não faz oposição antidemocrática. A oposição dele é construtiva, democrática e republicana”, observando, em seguida, que o governo de Goiás hoje está com o PSDB, “mas já esteve com o PMDB no passado. Então, eu não vejo motivo nenhum para discriminar um ou outro”.

Fonte: Goiás 24h

Oeste da Bahia tem a melhor safra da história e do mundo



Nesta safra, o Oeste da Bahia deverá colher a maior safra de todos os tempos em área de sequeiro a nível mundial, devido às altas produtividades alcançadas em suas lavouras.

A região foi beneficiada por um clima quase perfeito, com bastante luminosidade e, mesmo com solos mais arenosos e suscetíveis a veranicos, os produtores estão se surpreendendo com produtividades com médias de 60 sacas por hectare.

Eles atribuem este fator à construção dos solos, bem como à cultura do algodão, que foi uma das principais responsáveis por acelerar esse processo.

Acompanhe a reportagem completa no vídeo acima.

Fonte: Notícias Agricolas

quinta-feira, 26 de abril de 2018

Ciretran passa a atender em São Domingos/GO



O Ciretran (Circunscrição Regional de Trânsito) começou a atender na terça-feira (25) em São Domingos, no nordeste goiano.

O atendimento está sendo realizado no balcão de atendimento da prefeitura municipal, de segunda a sexta, das 08h as 17hs.

O Ciretran presta todos os serviços necessários aos usuários de veículos, atende também toda a população procurando soluções e facilitando as necessidades dos condutores e proprietários de veículos.

Além do Ciretran, o balcão de atendimento conta com os serviços da Agenfa, Banco do Povo, Goiás Fomento, junta militar, todo atendimento administrativo municipal, fundoprev e regularização de imóveis urbanos.

“É sabedor através do portal de transparência, que os repasses aos municípios têm sofrido queda drástica, e nem por isso a inovação, a determinação, o compromisso com o desenvolvimento e o bem comum de todos tem deixado de ser a marca na administração 2017/2020 no município de São Domingos. Inovar com ética e responsabilidade, enfrentando as adversidades tem sido a nossa marca” comentou o prefeito Cleiton Martins.

“Agregar valores municipal, através de um trabalho sólido, gerando independência para nossa gente e qualidade no serviço prestado é a tecla que nos batemos, é assim que cobro de toda equipe dessa gestão”, concluiu Cleiton Martins.

Cavalcante e Guarani de Goiás estão entre os municípios com as melhores avaliações no relatório sobre portal da transparência



O Relatório do Diagnóstico quanto ao cumprimento da Lei de Acesso à Informação (Lei nº. 12.527/2011), elaborado pelo Tribunal de Contas dos Municípios do Estado de Goiás (TCMGO), identifica a situação das 246 prefeituras goianas.

Do total de municípios, 220 (o que equivale a 89,43%) foram considerados adimplentes e 26 municípios (o que corresponde a 10,57%) inadimplentes.

Os inadimplentes foram notificados, para solucionar as irregularidades.  O relatório foi feito pela Secretaria de Licitações e Contratos,  no período de setembro a dezembro de 2017,  e homologado  pelo Tribunal,  Acórdão nº 0531 de 23 de março de 2018.

O relatório foi feito pela Secretaria de Licitações e Contratos, no período de setembro a dezembro de 2017, e homologado em março pelo Tribunal.

Os auditores do TCMGO analisaram informações mínimas, que devem ser disponibilizadas aos cidadãos, exigidas pela LAI, no art. 8º, incisos I a VI do §1º, bem como da Lei Complementar nº 101/2000, especialmente quanto à transparência da gestão fiscal.

No nordeste goiano, Cavalcante e Guarani de Goiás são os municípios com as melhores avaliações no relatório sobre o portal da transparência, de 100 pontos possíveis, Cavalcante obteve 92 pontos e Guarani, 91 pontos.

Veja abaixo os 28 municípios com pontuação acima de 90 pontos:



Fonte: TCMGO

Câmara Municipal de Cavalcante/GO aprova contas da Prefeitura referentes a 2014 e 2015



Os vereadores da Câmara Municipal de Cavalcante, no nordeste goiano, aprovaram o Balanço Geral das contas da prefeitura daquele município, referente aos exercícios dos anos de 2014 e 2015.

A aprovação aconteceu apesar do Parecer Prévio nº 0024/16 do Tribunal de Contas dos Municípios de Goiás (TCMGO) recomendar a rejeição das contas.

Além de aprovarem as contas, ainda fizeram retificações referentes aos ex-prefeitos João Pereira da Silva Neto e Maria Celeste Cavalcante Alves.

As aprovações e as retificações foram oficializadas com os decretos legislativos nºs 05, 06, 07 e 08, todos do dia 19 de março deste ano.

O TCMGO foi informado da decisão do município de Cavalcante por meio do Ofício  nº 021/2018, da própria Câmara Municipal de Cavalcante.

Câmara Municipal de São João d´Aliança/GO rejeita contas da prefeitura



A Câmara Municipal de São João d´Aliança, no nordeste goiano, rejeitou as contas da prefeitura local, acatando assim  o parecer prévio nº 05693/2016 , do Tribunal de Contas dos Municípios de Goiás (TCMGO). 

As contas rejeitadas foram as do ano de 2015.

A decisão da casa legislativa foi oficializada por meio do Decreto nº 02, de 2018, publicado em 9 de abril último.

A Comissão Permanente de Finanças e Orçamento também se pronunciou sobre irregularidades não sanadas.

Fonte: TCMGO

TCM determina que Prefeito de Mambaí/GO afaste gestor de Fundo de Previdência



O Tribunal de Contas dos Municípios de Goiás (TCMGO) expediu uma medida cautelar no inicio do mês de abril, determinando ao prefeito de Mambaí, no nordeste goiano, Joaquim Barbosa Filho (PP), o afastamento do gestor do Fundo de Previdência Social do Município (FUMPREMAM), Antônio de Melo Monteiro, imediatamente do cargo.

Além disso, também foi pedido pelo TCMGO que o prefeito instaure processo administrativo disciplinar em desfavor do gestor, para apurar irregularidades apontadas nos pagamentos de benefícios previdenciários e as devidas responsabilidades.

De acordo com o órgão, se Antônio continuasse prosseguindo no exercício de suas funções, isso poderia dificultar a realização de inspeção e causar danos ao erário, realizando pagamentos irregulares.

Fonte: Opção

“Brasil que eu quero para o futuro” vídeo de Divinópolis de Goiás



Atendendo ao pedido da Rede Globo, milhares de internautas de todo o país enviaram vídeos para o projeto “O Brasil que eu quero para o futuro”.

Segundo a emissora, o objetivo é abrir espaço para o cidadão apresentar suas ideias a respeito do futuro que ele deseja para a nação.

De acordo com a Globo, um representante de cada cidade foi escolhido para ter seu material exibido nos telejornais.

O vídeo de Divinópolis de Goiás, cidade localizada no nordeste do estado, foi exibido no Bom Dia Brasil. Veja o vídeo abaixo.


Deu no G1: TSE rejeita recurso e mantém cassação de prefeito e vice de Divinópolis de Goiás



O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) rejeitou recurso e manteve a cassação a candidatura do prefeito de Divinópolis de Goiás, Alex Santa Cruz Oliveira, e do vice, Jofre Pereira Cirineu Filho, ambos do PPS.

Com isso, eles permanecem inelegíveis por 8 anos e terão que pagar multa de R$ 53,2 mil cada. Eles são acusados de compra de votos, além de doação de combustíveis e passagens em troca também de votos. Cabe recurso ao pleno do TSE.

A reportagem entrou em contato com a defesa dos políticos às 9h desta quinta-feira (26), mas as ligações não foram atendidas até a publicação desta reportagem.

Relator do caso, o ministro Admar Gonzaga ratificou decisão do juiz Luciano Hanna, do Tribunal Regional Eleitoral de Goiás (TRE-GO), que tinha determinado ainda que o presidente da Câmara de Vereadores do município assuma a prefeitura até a realização de novas eleições.

Segundo as investigações, os crimes cometidos pelos políticos ocorreram na véspera das eleições municipais de 2016, da qual Alex e Jofre saíram vencedores.

Nos autos, constam depoimento de uma eleitora que afirma ter recebido R$ 50 para votar na chapa do então candidato. A mulher disse que foi abordada em casa no dia do pleito. A sogra dela, testemunha no caso, confirmou a história.

Além disso, a apuração apontou que um tio de Alex adquiriu, na véspera da eleição, R$ 2,4 mil litros de gasolina em um posto de combustíveis. O montante foi dividido em vales de abastecimento de 60 e 40 litros.

A proprietária do estabelecimento, em depoimento, disse que vários veículos foram abastecer no local nos dias seguintes usando os vales.

Posteriormente, o parente do político teria ido ao posto pedindo à mulher que ela emitisse uma declaração na qual constasse que ele era cliente frequente dela. Segundo o TRE-GO, essa questão demonstra a tentativa do homem em "obstruir o andamento" da investigação.

A terceira e última situação analisada seria o repasse de cerca de 40 passagens de ônibus para eleitores de Goiânia poderem ir até a cidade para votar.

Fonte: G1

quarta-feira, 25 de abril de 2018

De Campos Belos/GO: Entre videogame e colo da mãe, Higor Leite passa a limpo carreira e momento no ABC





Para o meia Higor Leite, do ABC, não é novidade dar a volta por cima. E este início de 2018 não tem sido diferente para o goiano, de 24 anos e fala mansa, natural da pequena Campos Belos de Goiás - perto da divisa com o Tocantins. O primo do craque Kaká - com quem revela não ter contato - conquistou a confiança do técnico Ranielle e a vaga no time titular por méritos próprios.

Revelado nas categorias de base do Internacional, Higor Leite começou o ano da forma que nenhum jogador de futebol queria: recebeu a notícia de que não seria aproveitado no Fluminense e teria seu contrato rescindido. Sobre a saída, limita-se a dizer que "ainda tenho pendências para resolver por lá". Durante o contrato com o Flu, que durou de 2010 a 2017, rodou por Avaí, Criciúma, Goiás e Volta Redonda. Chegou ao ABC às vésperas da estreia no estadual e já são 16 jogos e quatro gols. Por ter chegado com a pré-temporada em andamento, demorou a estrear e, quando a oportunidade chegou, entrou e não saiu mais. Com contrato até o fim da Série C, se diz feliz em Natal e que o objetivo é renovar o vínculo.

O meia aproveitou a folga do elenco após o jogo contra a Juazeirense para receber a equipe do GloboEsporte.com e falou sobre o início da carreira, o que viveu no ABC desde sua chegada, a saída conturbada do Fluminense e revela as broncas da mãe, Dona Zilda, que analisa as partidas, faz cobranças e dá dicas - a matriarca está em Natal há quase um mês e "disputa" a atenção do filho com o principal "vício" de Higor: o videogame.

Como se deu sua vinda para o ABC? Como foi sua chegada?

- Através do (Giscard) Salton. Ele foi diretor da base do Internacional e me conhecia de lá. Me perguntou se eu estava afim de ajudar aqui e eu não pensei duas vezes. Já joguei contra e vi que tinha uma torcida apaixonada, o Wallyson que é daqui. Conheci um pouco da história através de um amigo que jogou comigo no Fluminense, o Ayrton, que é daqui e me falou muito bem. Quando cheguei, senti no clube um dos ambientes mais acolhedores desde o primeiro dia. Temos um ambiente muito bom. E essa minha chegada no ABC está sendo muito boa para a minha carreira, é como um recomeço. Coloquei na cabeça que essa seria uma das últimas oportunidades para alavancar a minha carreira e voltar para um time da Série A.

Quem são os jogadores em quem você se espelha? Qual o melhor com que você já jogou?

- Eu jogo hoje com a 8, mas prefiro jogar com a 20. Tenho a inspiração, vi Deco jogando, joguei com ele no Fluminense e tive vontade de jogar com a 20. Gosto muito do Kaká, é uma inspiração para mim. Ronaldinho Gaúcho também. Mas, um dos que mais chamou a minha atenção foi o Deco, pela genialidade.

Apesar de jovem, você tem passagens por times de Série A. Acha que essa experiência pode servir para ajudar um elenco recheado de promessas nesse momento?

- Nosso time perdeu um pouco daquele futebol alegre que vinha apresentando no estadual, agora temos que arrumar. Vamos retomar o futebol de antes. Com minha experiência de "mais velho", com 24 anos, tento dar conselhos sobre uma movimentação e até na vida mesmo. Quando tem alguma coisa que já passei, falo para não fazer e as consequências. Procuro ajudar dessa forma. O torcedor pode confiar que vamos retomar o bom futebol.

Um dos responsáveis por montar essa equipe é Ranielle Ribeiro, que foi efetivado no cargo no fim do ano passado. Como está sendo trabalhar sob o comando dele?

- São poucos treinadores que tive que tem a inteligência dele. Além disso, uma pessoa muito humana, de um caráter ímpar. Sabe acolher o grupo, dar moral para todo mundo. Às vezes, você está no banco, mas está feliz porque sabe que o Ranielle dá moral. São poucos assim. Poucos treinadores que caminham junto do elenco, que trabalhar para te erguer. Tem um perfil 'paizão' mesmo, tipo o Abel Braga, que pega e ajuda.

Sua mãe sempre está presente? Como é o acompanhamento dela?

- Eu não fazia nada nas folgas, só comia e jogava videogame. Agora que minhã mãe está aqui, é um apoio que tenho, é minha base. Ela que me auxilia ali por trás, me dá bronca e não é de bagunça. Cheguei do jogo e ela "mas como vocês perderam esse jogo?" (risos). Ela entende, tinha escolinha de futebol. Depois me mostrou outro vídeo e me cobrou porque eu não estou chutando no gol: "meu filho, você tem que chutar, você chuta bem". Tem horas também que ela briga porque estou tempo demais jogando videogame.

Fonte: Globoesporte.com

Casal é morto a tiros dentro da loja da família em Formosa/GO



Um casal foi morto a tiros dentro de uma estabelecimento comercial na tarde de terça-feira (24), no Bairro Formosinha, em Formosa, no Entorno do Distrito Federal. Segundo a Polícia Civil (PC), os autores chegaram em uma moto, pararam na porta da loja, o garupa desceu e efetuou os disparos. Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada, mas as vítimas já foram encontradas sem vida.

Segundo a PC, o crime aconteceu por volta de 15 horas na Avenida João Ísper Gebrim. Jaqueline Cardoso de Jesus, de 29 anos, e o companheiro dela, Diego Henrique da Silva Moura, de 23, moravam nos fundos da marmoraria, que é da família de Jaqueline. Os dois estavam no local trabalhando quando foram surpreendido pelo autor, que chegou atirando. A jovem levou dois tiros no peito, e o rapaz foi alvejado com dois tiros nas  costas e um na mão.

Testemunhas contaram que após ouvirem os disparos, um homem saiu correndo da loja com a arma em punho, montou na garupa da moto, que o aguardava do lado de fora, e fugiu. O delegado responsável pelo caso, Vytautas Fabiano, disse que Diego tinha envolvimento no mundo do crime, conhecido por fazer roubos e desmanches de veículos. A suspeita é que ele tenha sido morto por vingança, já que era suspeito de um homicídio que aconteceu no último dia 6, na saída Sul de Formosa.

“O Diego já era conhecido no mundo do crime como “Diego Ladrão” e era suspeito de ser o autor de um homicídio no início do mês contra Rubens Ribeiro da Costa Neto, que também tinha passagens por roubo e tráfico de drogas. Possa ser que o homicídio tenha ligação com vingança”, conta o delegado.

De acordo com a PC, Jaqueline não tinha passagens pela polícia, mas possa ter sido morta por estar com Diego no momento do crime. No local, há câmeras de segurança que já foram analisadas para tentar identificar os autores.

Fonte: Mais Goiás

terça-feira, 24 de abril de 2018

Divinópolis de Goiás: Igreja Católica está sendo reformada




A Igreja São João Batista, a mais antiga de Divinópolis de Goiás, está passando por uma reforma. As obras foram iniciadas há alguns dias.

A reforma será na parte interna e externa da Igreja localizada na Praça Luís Pereira Cirineu.

A Igreja construída há décadas mantém sua arquitetura original, chama atenção não somente pela sua beleza, mas também pela memoria afetiva que desperta.

Quem puder, pode ajudar na reforma da igreja, com doações ou ajudando diretamente na reforma do local. A comunidade que está a frente das obras.

Em matéria publicada em fevereiro deste ano, o blog alertou sobre a falta de cuidados e atenção com a Igreja São João Batista.

Na ocasião, o blog indagou, relatando que a igreja precisava ser restaurada, e que o local estava sendo degradado, sem sinais de reação.


Polícia recaptura foragido da justiça em São Domingos/GO



Os policiais do COD (Comando de Operações de Divisas) prenderam um foragido da justiça na noite de segunda-feira (23), em São Domingos, no nordeste goiano.

A equipe do COD realizava patrulhamento pela GO 463, no município de São Domingos, quando abordou uma caminhonete.

Após consultar aos antecedentes criminais, os caçadores constataram que havia um mandado de prisão em aberto em desfavor do ocupante da caminhonete.

Diante da situação, a equipe encaminhou o foragido para a Delegacia de Polícia de São Domingos.

São Domingos/GO: Em nota prefeitura diz que informações sobre condições da ambulância do Samu são inverídicas



Ao assumir, a atual gestão de São Domingos, encontrou a ambulância do Samu em Goiânia com uma divida de mais de R$ 30 mil, com o motor aberto, na qual a gestão passada já havia gastado um absurdo e não conseguiu solucionar o problema.

Hoje o Samu em São Domingos é uma realidade, apesar de um acidente recente com a ambulância, a mesma foi restaurada, está revisada, com os pneus em ótimas condições e disponível para atender as emergências.

Os profissionais do Samu estão com os salários em dia, o Samu funciona com todos os equipamentos necessários.

Por determinação da central de Formosa, devido uma bomba de direção que não foi encontrada para aquisição ainda, a ambulância não está realizando atendimento em rodovias federais, mas está de prontidão para atender o município, e de maneira alguma oferecendo riscos aos profissionais.

A informação repassada ao blog foi inverídica, politicagem como sempre. Nossa administração é séria e compromissada com todas as pastas, principalmente com a saúde e educação.

Prefeitura Municipal de São Domingos - Goiás

Morre Ruy de Oliveira, ex-vice-prefeito de São Domingos/GO



Morreu nesta terça-feira (24), o ex-vice-prefeito de São Domingos, no nordeste goiano, Ruy de Oliveira Pinto.

A causa da morte não foi divulgada.

Ruy Oliveira era casado, comerciante e tinha 66 anos.

Foi eleito vice-prefeito nas eleições suplementares em 2013. Na chapa que elegeu Etélia Vanja como prefeita.

Deixo aqui meus sinceros sentimentos aos amigos e familiares nesse momento de profunda tristeza e luto.

segunda-feira, 23 de abril de 2018

São Domingos/GO: Parque Terra Ronca é o destino certo para vivenciar aventuras subterrâneas



O Parque Estadual de Terra Ronca (PETeR) é um verdadeiro paraíso de grutas e cavernas. Com uma área de 57 mil hectares, a principal porta de entrada para o local é o município de São Domingos, no nordeste goiano. Considerado uma das maiores concentrações de cavernas da América Latina, o parque é, definitivamente, uma aventura para mochileiro nenhum botar defeito.

Morros, colinas, águas cristalinas e cachoeiras são outros itens que compõem o visual dessa região que é tão única. Há uma estimativa de que o local ainda conte com mais de 1.000 grutas em um raio de apenas 40 km. Sem sombra de dúvida, uma das regiões escondidas do Brasil que merece ser explorada.

A singularidade do parque chega a atrair estudiosos, turistas, aventureiros e curiosos de todas as partes do mundo. São mais de 300 cavernas mapeadas, mas apenas 49 abertas para visitas e um número ainda menor disponível para turistas. Há atrações que exigem um alto nível técnico, e, com isso, acabam sendo exploradas apenas por espeleólogos experientes e bem equipados.

De maneira geral as cavernas com formações calcárias raras ainda são bem preservadas graças ao cuidado dos guias que trabalham na região, a maioria nativos que lutam para manter de pé esse espetáculo da natureza subterrânea.

Para ter acesso ao parque não é muito difícil. Além de São Domingos, também é possível acessá-lo pelo município de Guarani. A entrada fica a 45 km de qualquer uma das duas, porém, as atrações principais estão espalhadas em uma área de aproximadamente 40 km de extensão.

Os passeios

Todos os passeios devem ser feitos com a ajuda de um guia turístico local. Não adianta insistir em ir por conta própria, pois apenas eles sabem os lugares exatos por onde os turistas podem passar de maneira segura. De qualquer forma, tentar entrar em uma das cavernas sem ajuda de um profissional é algo extremamente perigoso devido ao breu.

Alguns passeios podem ser fechados com a direção da Pousada Terra Ronca. A média de preços é R$ 100 pela diária ou R$ 20 por pessoa. Ou seja, se o passeio for feito em dupla, cada pessoa pagará R$ 50. Porém, caso o grupo tenha no mínimo cinco pessoas, o valor individual ficará R$ 20.

Segundo guias locais, o ideal é conhecer apenas uma caverna por dia. Para duas, é necessário muito preparo físico e disposição. O recomendado é combinar uma caverna e uma cachoeira por dia, pois fica menos cansativo e o visitante pode aproveitar mais a viagem.

Curiosidades

Que o Parque Nacional de Terra Ronca é, possivelmente, um dos mais belos recantos naturais do Brasil, não há dúvidas. Goiás, especificamente, é um estado repleto de cachoeiras e oportunidades para quem quer se aventurar em meio a natureza.

Sete das 30 maiores cavernas do país estão localizadas no PETeR. Elas possuem uma extensão que ultrapassa mais de 24 km de condutos subterrâneos interligados, sendo este o caso da Caverna de São Mateus, uma das cavidades mais ornamentais do mundo.

Estima-se que a idade destas cavernas possa ultrapassar 60 milhões de anos. Algumas delas, inclusive, possuem impressionantes pinturas rupestres que comprovam a presença do homem primitivo no Planalto Central Brasileiro há mais de 10 mil anos.

O parque anualmente recebe uma das mais importantes manifestações culturais e religiosas da região, a Romaria do Bom Jesus da Lapa de Terra Ronca, que acontece nos dias 5 e 6 de agosto. A primeira celebração foi datada no ano de 1926, e desde a década de 40 ela acontece regularmente.

Fonte: A tarde/Uol

'Fomos massacrados, acusados sem provas', afirma bispo afastado de Formosa/GO



Uma semana depois de sair da prisão, onde ficou 30 dias, o bispo afastado de Formosa, dom José Ronaldo Ribeiro, acusado com outras oito pessoas de desviar dinheiro da Igreja Católica, falou pela primeira vez com a imprensa, usando a ocasião para afirmar sua inocência e se dizer vítima de perseguição. "Fomos massacrados, acusados sem provas, com um método absurdo de condenar, prender e apurar", afirmou o religioso, à Agência Estado.

Ao sair do presídio de Formosa, na terça-feira (17/4), d. Ronaldo foi para a residência episcopal, em vez de se hospedar na Casa do Clero, para padres doentes e idosos, conforme lhe aconselharam. "Vim para cá, porque esta é minha morada. Eu ainda sou o bispo de Formosa, embora afastado", disse.

A decisão de onde ele deve ficar, porém, é o administrador apostólico, d. Paulo Mendes Peixoto, arcebispo de Uberaba (MG), designado pelo papa Francisco para dirigir a diocese na ausência do titular. Ele deixou a Assembleia-Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, em Aparecida (SP), para passar o fim de semana em Formosa. Viajou a conselho do núncio apostólico, d. Giovanni D'Aniello.

D. Ronaldo descreveu os 30 dias presos como tristes. Lamentou não poder celebrar as missas e se disse magoado de sofrer "acusações injustas" e, acima de tudo, "humilhações impensáveis", como as duas vezes em que foi obrigado a ficar quase nu, só de cueca, para a revista aos presos.

No domingo (22/4), ele reuniu parentes e colaboradores na capela improvisada da residência episcopal, de 15m², para agradecer a Deus "estar de volta ao rebanho" — cerca de 400 mil pessoas, em 23 municípios. Ao seu lado estava outro acusado, o padre Thiago Wenceslau, juiz eclesiástico com doutorado na Pontifícia Universidade Lateranense, em Roma, que chegou a Formosa em um domingo e foi preso na manhã seguinte, acusado de agir com o bispo.

Padre Tiago chorou o tempo todo na missa na capelinha particular. Fez cinco dias de jejum, em sinal de protesto contra a prisão, e foi o último a ser libertado, 24 horas após a soltura de d. Ronaldo, um monsenhor, três padres e dois empresários presos na Operação Caifás, sob acusação de falsidade ideológica e desvio de dinheiro das paróquias.

O bispo de Formosa permanecerá fora do cargo até a definição de sua situação na Justiça. Se for absolvido e o papa permitir, pretende retomar suas funções, embora admita reavaliar a intenção. Depende da aceitação dos fiéis, até agora aparentemente sem fissuras. Mesmo com as prisões, as missas de domingo continuaram cheias. "É evidente que, se muitas pessoas me apoiam com sua solidariedade, há também um pequeno grupo que pretende me afastar, por discordar de meu estilo e de minha orientação pastoral."

Ele se refere aos padres que, na sua avaliação, armaram as denúncias para se livrar dele. "É um grupo articulado que armou esse esquema há anos, desde minha passagem pela Diocese de Janaúba (MG), de onde fui transferido para Formosa em 2014." Segundo o bispo, a armação começou quando ele levou para Janaúba ex-dependentes de drogas de quem cuidava no trabalho pastoral. Disse que, para ajudá-los, sua conta ficou negativa.

Fazenda e lotérica

Na acusação do Ministério Público de Goiás, d. Ronaldo é citado como chefe de um grupo que teria desviado mais de R$ 2 milhões do dízimo ofertado às paróquias, segundo denúncia assinada por 30 de seus diocesanos. O dinheiro teria comprado uma fazenda de criação de gado e uma lotérica. "Sou inocente, tenho certeza de que nada fiz de errado", afirma. Segundo ele, quem fez a compra foi padre Moacyr Santana, com recursos próprios, o que não caracterizaria crime.

O administrador apostólico, d. Paulo Peixoto, que está investigando as denúncias, diz que, até o momento, parece não ter havido irregularidades. Os bispos do Regional Centro-Oeste, que compreende as dioceses de Goiás e Distrito Federal, viajarão a Formosa, nas próximas semanas, para levar conforto e solidariedade a d. Ronaldo e aos demais acusados.

Como a Justiça impôs medidas cautelares, d. Ronaldo está proibido de sair de Formosa e foi obrigado a entregar o passaporte. "Disseram que eu pretendia fugir do País porque preparava uma viagem a Roma para participar de uma reunião do Movimento Neocatecumenal", diz. Acolhido ao sair da prisão pela mãe, dona Nilda, de 90 anos, e por alguns de seus irmãos, ele tem tido a assistência de parentes e amigos, que lhe fazem companhia e se oferecem para cozinhar.

Denúncia

O promotor Douglas Chegury afirma que a investigação toma por base denúncia de um grupo de 30 fiéis. "Mandaram informações por escrito, em um documento assinado, apontando supostas irregularidades que haviam identificado." Ele destacou que as provas coletadas no processo, desde 2017, eram suficientes para pedir a prisão preventiva. "Houve ocultação de provas e a intimidação de testemunhas."

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo

São Domingos/GO: Situação da Ambulância do Samu é precária



A situação da ambulância do Serviço de Atendimento móvel de Urgência (Samu) está complicada em São Domingos, no nordeste goiano.

Há profissionais, mas a ambulância está cheia de problemas. O veículo apresenta problemas na direção, pneus e outros.

Devido os problemas apresentados pela ambulância, a ordem, agora é realizar atendimento somente na cidade de São Domingos. O veículo não tem condições de se deslocar para fora da cidade.

A situação é delicada, no domingo (22), ocorreu um acidente próximo ao posto São Pedro, na BR-020, o Samu de São Domingos foi acionado e não pode realizar o atendimento devido os problemas que a ambulância vem apresentando.

Os próprios socorristas do Samu correm risco em andar neste veículo. Já são mais de 3 meses que a ambulância do Samu está rodando nestas condições.

É triste ver um serviço tão eficiente como o Samu ser deixado de lado pelas autoridades.

Idosa morre após choque em máquina de lavar, em Flores de Goiás



Uma idosa morreu após tomar um choque, na cidade de Flores de Goiás, nordeste do estado.

Segundo a PM, o filho da mulher, um rapaz de 25 anos, compareceu à base da Polícia Militar em Vila Boa (GO) informando que havia chegado a residência da família, na Fazenda Capim Puba, e encontrado sua mãe eletrocutada.

Venância Pereira da Silva, de 63 anos de idade, estava caída no chão, ainda com vida, após ter sofrido uma descarga elétrica.

A vítima foi encontrada ao lado de uma máquina de lavar roupas, ainda em funcionamento. A extensão que ligava o aparelho à rede elétrica estava com o fio desencapado, segundo o filho dela.

A vítima foi socorrida e encaminhada até o Hospital de Vila Boa, porém já se encontrava sem vida.

A perícia compareceu até a fazenda e realizou os trabalhos de praxe.

Com informações da PM