domingo, 22 de julho de 2018

Parque Estadual de Terra Ronca abriga um dos mais importantes conjuntos espeleológicos da América do Sul



O Parque Estadual de Terra Ronca está fica nos municípios de São Domingos e Guarani de Goiás. O parque abriga um dos mais importantes conjuntos espeleológicos da América do Sul.

Ele possui cavernas, grutas e dolinas, além da riqueza da fauna e flora exclusivas do ambiente cavernícola, bem como espécies do Cerrado ameaçadas de extinção. Possui belezas cênicas como cascatas, cachoeiras e rios de águas cristalinas, com grande potencial para o desenvolvimento do ecoturismo.

Os atrativos abertos à visitação pública são as cavernas Terra Ronca I e II, Angélica, São Bernardo e São Mateus. Os visitantes, porém, também devem observar algumas regras gerais. Por exemplo: cada integrante do grupo deverá possuir, no mínimo, uma lanterna portátil alimentada por baterias elétricas ou similares, e baterias reservas.

O visitante deve utilizar obrigatoriamente calçado fechado (anti-derrapante), capacete específico, e utilizar, preferencialmente, vestimenta adequada (calça, camiseta com manga, etc) e demais itens que aumentem sua segurança.

Todo grupo deve ser acompanhado por, pelo menos, um condutor credenciado pelo parque. O grupo deve permanecer sempre coeso, sem que haja dispersão de visitantes pela caverna. É vedada a entrada de pessoas alcoolizadas ou portando bebidas alcoólicas. É proibido aos visitantes o uso de iluminação baseada no acetileno (carbureteiras), ou outros sistemas de iluminação que emitam calor ou fuligem em demasia.

O horário de visitação das cavernas é das 8 às 17 horas (horário normal), ou das 8 às 18 horas (horário de verão). É proibido entrar nas cavernas acompanhado de animais domésticos. As normas específicas para cada caverna estão no interior da portaria do parque.

Nenhum comentário:

Postar um comentário