sexta-feira, 31 de agosto de 2018

Guru espiritual Prem Baba nega acusações de abuso



O guru espiritual Sri Prem Baba nega que tenha abusado da confiança de uma de suas discípulas para manter relações sexuais com ela. Na quinta-feira, a colunista do jornal Folha de S.Paulo Mônica Bergamo divulgou que o guru foi acusado de abuso por ex-maridos de duas de suas seguidoras. As denúncias foram realizadas durante um encontro do líder hinduísta com cerca de trinta discípulos no último domingo.

“Conforme Sri Prem Baba anunciou em conversas com discípulos nos últimos dias, ele ingressou numa fase de recolhimento e evitará novas comunicações. Portanto, não está concedendo entrevistas sobre este tema e sobre seu trabalho. No vídeo mencionado pela reportagem de Mônica Bergamo, nesta quinta-feira, no jornal Folha de S.Paulo, Prem Baba conversou com a comunidade sobre a revelação de relação amorosa ocorrida no passado. Hoje ele tem a consciência dos questionamentos que surgiram, mas expressa, com humildade, a convicção de que o amor continuará a iluminar aqueles que o seguem”, diz nota enviada por sua assessoria de imprensa.

Um dos ex-maridos relatou à colunista da Folha que já fazia parte do grupo do líder com a esposa, quando, em 2008, eles passavam por uma crise conjugal. A mulher, que assessorava a agenda do guru, pediu ajuda para salvar o casamento. Prem Baba deu conselhos e a convidou para exercícios tântricos, antes de manterem relações sexuais ao longo de dois anos.

O casal se separou e a mulher contou o caso para o ex-marido há cerca de três semanas, depois de sofrer de depressão e síndrome do pânico e buscar tratamento psicológico tradicional, em que teria percebido que foi vítima de abuso. O outro caso relatado no evento teria sido semelhante, com a diferença de que o relacionamento com o líder espiritual não teria progredido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário