segunda-feira, 25 de março de 2019

Acordo com a TAP vai beneficiar Brasília e cidades vizinhas, entre elas Alto Paraíso e Cavalcante/GO



Além de aumentar o fluxo de turistas na Capital Federal, o acordo do stopover assinado na semana passada entre o Governo do Distrito Federal e a empresa aérea portuguesa TAP vai beneficiar cidades próximas a Brasília.

A secretária de Turismo, Vanessa Mendonça, se reuniu, nesta sexta-feira (22), em Brasília, com os prefeitos de Cavalcante (GO), Josemar Freire, e de São Jorge(GO), Martinho Silva, e secretários de Turismo das cidades de Formosa (GO), Ian Thomé, e de Cavalcante, Wesley Silva.

De acordo com a secretária de Turismo, a intenção do GDF é trabalhar junto com outros estados para aumentar o número de turistas no Brasil “Queremos que os turistas de Brasília também visitem as belezas naturais de outras cidades próximas.

Além das atrações arquitetônicas, cívicas, gastronômicas e ecológicas que oferecemos, a nossa capital está rodeada de lugares históricos e com belezas naturais que encantam os europeus que têm, por característica, viajar para vivenciar novas experiências e culturas”, afirmou Vanessa Mendonça.

A reunião com os prefeitos teve o objetivo de unir esforços entre o Distrito Federal e as cidades próximas à Brasília para impulsionar a economia e a geração de empregos por meio de um vasto cardápio de atrações turísticas.

“Brasília e cidades vizinhas devem estar preparadas para receber o grande fluxo de turistas que estamos esperando. Precisamos investir em rotas, infraestrutura, sinalização e qualidade de atendimento e do receptivo”, enfatizou a secretária de Turismo.

Para a próxima segunda-feira (25), Vanessa Mendonça organiza uma reunião com secretários de Turismo de estados do Centro-Oeste para que destinos como Pantanal, Bonito e Jalapão também sejam oferecidos para os clientes da TAP que optarem por fazer stopover em Brasília.

“Unir as atrações de Brasília com turismo ecológico em outros estados é o produto que o mundo quer comprar. Quando oferecermos esse cardápio de variedades iremos atrair turistas e operadoras do mundo inteiro”, frisou a secretária de Turismo.

Stopover

Os passageiros que embarcarem pela TAP em Portugal com destino ao Brasil poderão ficar até cinco noites em Brasília sem aumento do preço da passagem.

A Capital Federal é uma das pioneiras nesse tipo de parceria com a TAP.

A expectativa do GDF é que não só a rede hoteleira e o comércio de Brasília sejam impactados positivamente com a parada de turistas europeus na cidade, mas também as cidades do Entorno e da Região Metropolitana do DF.

Com uma diversificada rede hoteleira que oferece quase 40 mil leitos, Brasília tem variedade de opções de lazer, gastronomia, compras, atividades culturais, exposições, parques, vida noturna e criatividade.

O aeroporto Juscelino Kubitschek é o 3º maior do Brasil em movimentação internacional de passageiros e o maior hub doméstico do país.

Considerada o 3º polo gastronômico do Brasil, Brasília foi a primeira colocada em um pesquisa realizada pelo Ministério do Turismo do Brasil sobre a aprovação dos turistas estrangeiros.

Os restaurantes da capital federal tiveram 97,7% de aprovação.

O prêmio Travellers’ Choice 2018, organizado pelo Trip Advisor, concedeu à cidade a segunda colocação na categoria “destinos em alta” na América do Sul.

Fonte: Secretaria de Turismo

Nenhum comentário:

Postar um comentário