sexta-feira, 9 de agosto de 2019

Governo de Goiás garante retomada de obras de moradias em Alto Paraíso de Goiás



O governador Ronaldo Caiado assina nesta sexta-feira, dia 9 convênio que garante retomada das obras de construção de 96 moradias em Alto Paraíso de Goiás, iniciadas com recursos federais, por meio do programa Fundo de Desenvolvimento Social (FDS).

O convênio, no valor de R$ 1 milhão, será assinado com a Cooperativa Sem Limites para conclusão do Residencial Paraíso I. As obras já estão executadas em 80% e se encontram paralisadas desde agosto de 2018 devido à defasagem dos recursos federais. A solenidade de assinatura do convênio será às 11h30, no polo da Universidade Aberta do Brasil (UAB), ao lado da prefeitura de Alto Paraíso (Rua São Jorge, n. 255), também com a presença do presidente da Agência Goiana de Habitação (Agehab), Eurípedes do Carmo.

O presidente da Agehab afirma que está seguindo a determinação do governador de destravar os processos de obras e imprimir novo ritmo à construção de moradias em todo o Estado, com fiscalização e controle rígidos do cronograma de execução. “Essas ações já possibilitaram a entrega de mais de mil moradias pelo Governo de Goiás nos primeiros meses deste ano e vamos chegar a 2 mil unidades até o final do ano, com a meta de construir 20 mil nos próximos quatro anos”, salienta Eurípedes do Carmo. Ele também atende à determinação do Gabinete de Políticas Sociais, liderado pela primeira-dama Gracinha Caiado, de atendimento prioritário aos municípios da Rede Integrada de Desenvolvimento do Entorno (Ride), da qual faz parte Alto Paraíso. O empreendimento Paraíso I, por exemplo, foi aprovado em 2013 e teve início em 2016, fruto da parceria do Programa Minha Casa Minha Vida/Entidades, com recursos do FDS e prefeitura, que doou a área, obras de infraestrutura e maquinário.

De acordo com o engenheiro responsável pela obra, Philipe Garcia, a paralisação se deu pela mudança nas regras do programa federal, que passou de 12 para 24 meses o prazo de entrega da obra. Segundo ele, isso provocou defasagem dos valores dos recursos e também aumento dos custos da obra. Então, desde o ano passado, eles vêm buscando ajuda do Governo de Goiás para complementação dos recursos.

O engenheiro informa que, graças ao aporte de recursos do Estado de Goiás, a previsão de entrega do empreendimento é para o início do próximo ano. Segundo ele, os recursos serão aplicados no acabamento interno das residências, como colocação de pisos e revestimentos, janelas, pintura e também esgotamento sanitário (fossas e sumidouros).

As moradias do Residencial Paraíso I são destinadas às famílias mais carentes do município. Elas vão pagar parcelas de financiamento com valores entre R$ 25,00 e R$ 80,00. O processo seletivo das famílias foi realizado pela entidade responsável, com acompanhamento da Assistência Social do Município.

Nenhum comentário:

Postar um comentário