quinta-feira, 7 de novembro de 2019

Prefeito de Divinópolis de Goiás, Charley Tolentino, manifesta sobre a PEC que propõe extinção de municípios menores



O prefeito de Divinópolis de Goiás, Charley Tolentino, falou sobre a Proposta de Emenda Constitucional (PEC), com a possibilidade de extinção de municípios com menos de 5 mil habitantes e arrecadação própria menor do que 10% da receita total.

A proposta foi enviada ao Congresso Nacional, se for aprovada o município de Divinópolis de Goiá seria extinto e passaria a ser distrito de São Domingos.

“Agregar os municípios é um retrocesso no desenvolvimento, os municípios já tem dificuldades com as despesas dos serviços básicos de saúde, educação e as demais, terão mais dificuldades ainda se forem agregados a outras dificuldades do município vizinho, que já tem vivido durante os anos.  Aumentaria a extensão territorial, as responsabilidades, com escolas, creches, hospitais, tudo isso demandaria um esforço muito maior do que a divisão administrativa que hoje é mantida. O que é necessário é aumentar as receitas do município, ou seja fazer o dinheiro chegar aos cofres da prefeitura. A extensão territorial ficaria inviável para os novos gestores, como também com a população aumentada dificultaria, as estruturas já estão montadas nesses municípios, pra mim é um retrocesso. Acredito que o caminho é mexer no alto escalão do governo, tirar os privilégios, benefícios, vão economizar muito mais do que mexer nos pequenos, mais simples e mais pobres que são os municípios pequenos”, disse Charley Tolentino.

Nenhum comentário:

Postar um comentário