quarta-feira, 15 de janeiro de 2020

Formosa/GO: Polícia prende dupla suspeita de matar sanfoneiro e roubar sanfona avaliada em R$ 25 mil




O sanfoneiro Valdineto Vieira Neves, de 52 anos, foi encontrado morto em uma casa em Formosa, no Entorno do Distrito Federal. Três dias depois, policiais da Bahia prenderam dois homens por um furto na cidade de Barreiras que estavam com o carro da vítima. A Polícia Civil de Goiás foi chamada e interrogou a dupla, que confessou o crime.

O nome dos investigados não foi divulgado pela Polícia Civil. Assim, a reportagem não conseguiu identificar a defesa dos presos para pedir um posicionamento sobre o caso.

A vítima era conhecida na cidade como Neto da Sanfona. Ela foi encontrada morta com sinais de espancamento no dia 4 de janeiro.

As investigações apontaram que na última vez que o sanfoneiro foi visto com vida, estava com dois conhecidos. Consta nos registros da Polícia Civil que a dupla matou o músico e fugiu com a sanfona e o carro dela em direção à Bahia.

Também conforme as apurações, no caminho, a dupla vendeu a sanfona, avaliada em R$ 25 mil, por R$ 200, para pagar combustível para o carro.

Os policiais de Goiás foram chamados pela corporação baiana no dia 7 de janeiro, quando policiais do estado nordestino prenderam, em Barreiras (BA), uma dupla suspeita de furtar objetos de valor de uma fazenda e que estava com o carro do sanfoneiro.

Segundo a corporação goiana, os investigados foram ouvidos e confessaram o latrocínio. Na terça-feira (14), eles foram levados a Formosa, onde seguem detidos na Casa de Prisão Provisória (CPP) da cidade.

Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário