segunda-feira, 27 de janeiro de 2020

Homem é preso suspeito de invadir casa e tentar matar a tiros a ex-mulher e a filha dela, em Formosa/GO



Um homem de 34 anos foi preso suspeito de tentar matar a ex-mulher, de 35, e a filha dela, de 19, a tiros, em Formosa, no Entorno do DF. Segundo a Polícia Civil, ele arrombou o portão da casa das vítimas, invadiu o local de madrugada e disparou contra ambas porque não aceitava o fim do relacionamento.

O homem foi detido no sábado (25) e ainda não prestou depoimento formalmente. A arma usada ainda não foi localizada.

O crime foi cometido no dia 26 de dezembro do ano passado. De acordo com a delegada Fernanda Lima, titular da Delegacia da Mulher da cidade, a jovem foi atingida primeiro, no peito. Ela ficou internada por vários dias e foi operada, mas já recebeu alta.

"Ao ver o homem e sabendo que ele já havia ameaçado a mulher outras vezes entrou na frente para tentar impedir e defender a mãe. Mas nesse momento ela foi baleada", disse.

Fernanda explica que após ferir a jovem, ele seguiu até o banheiro e também atirou contra a ex-mulher. Ela foi atingida no braço e também precisou ser hospitalizada. Em seguida, o homem fugiu.

A delegada acredita que o homem só não matou as duas porque ficou com receio de que os vizinhos, ao ouvirem os tiros, chamassem a polícia.

Ameaças

Conforme a delegada, a mulher relatou que eles ficaram juntos por cinco anos, mas que ela já estava tentando se separar há algum tempo, pois era ameaçada constantemente por ele. A investigadora destaca que é preciso fazer a denúncia para tentar coibir novos atos de violência.

"Ela disse que chegou a ser agredida por ele, mas que nunca registrou queixa. Contou também que já sempre quando falava em se separar, o homem a ameaçava e ela desistia da ideia", revela.

O homem responderá por dupla tentativa de feminicídio.

Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário