quarta-feira, 12 de fevereiro de 2020

Pai de Jerônimo Amorim diz que não teve mais noticias do filho



O pai de Jerônimo Amorim Oliveira, de 20 anos, Tenisson Oliveira Boa Sorte, 48 anos, continua procurando o filho que desapareceu há um ano.

Nem mesmo o cansaço da busca incessante fez com que deixasse de estar à frente da procura pelo filho.

Tenisson disse que desde o desaparecimento, nunca mais teve noticias do filho.

Jerônimo morava no Distrito Federal, no Lago Oeste (Sobradinho II). O jovem sempre saía para pedalar pela ciclovia da região, no dia em que desapareceu, em 12 de fevereiro de 2019, ele usava uma bermuda preta, camisa azul com bolinhas brancas e chinelos.

O pai procurou por todos os lugares do Distrito Federal, esteve em Alto Paraíso, espalhou cartazes com fotos, pediu informações e ganhou a ajuda da Polícia Militar de Goiás.

Apesar de não ter conseguindo informações do filho, Tenisson continua a procura do filho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário