A1

segunda-feira, 18 de maio de 2020

Doação fake: Ronaldo Caiado diz que não fez ação em live de Wesley Safadão e Raça Negra



O governador Ronaldo Caiado (DEM) esclareceu, por meio de suas redes sociais, que não foi o autor da doação de 10 toneladas de alimentos atribuída a ele durante a live de Wesley Safadão e Luiz Carlos, vocalista do grupo Raça Negra.

“Mentiram para os artistas que faziam um gesto nobre. Infelizmente existem pessoas que brincam com o sofrimento, a necessidade e a boa vontade das pessoas”, escreveu em publicação no Instagram.

Na noite de domingo (17), durante a apresentação ao vivo e transmitida pela internet, os cantores recebiam doações on-line de pessoas que assistiam. É comum, porém, artistas e personalidades da mídia doarem para incentivar outras pessoas. Um internauta, porém, se passou pelo governador para fazer a doação.

No momento o cantor Wesley Safadão anunciou a benesse que até então parecia do democrata. Luiz Carlos chegou a comentar a iniciativa e disse que aquele era um papel que deveria ser cumprido por políticos em meio à pandemia do novo coronavírus.

“Esse exemplo do Caiado que a gente queria que eles [políticos] se ligassem. Nós estamos nessa situação por causa dessa equipe toda de políticos, que viu que estava chegando uma pandemia, e não fizeram nada. O Caiado está dando esse exemplo. Esses políticos têm que aprender que não é só roubar, tem que ajudar”, disse o vocalista do Raça Negra, que recebia apoio do comediante Tirulipa. A equipe de Wesley divulgou que a apresentação conseguiu arrecadar milhares de quilos de alimentos.

Apesar de explicar que não foi o autor da doação, Caiado elogiou a iniciativa dos artistas. “Os artistas estão fazendo sua parte, não só entretendo a população. Arrecadam alimentos por meio de suas lives. Goiás já foi muito beneficiado por ações como essa”, escreveu.

Entretanto, o democrata frisou que vai buscar meios de punição de quem utilizou seu nome falsamente. “Vou fazer uma denúncia para que as autoridades competentes identifiquem e punam esses criminosos que usaram meu nome para uma doação falsa. De acordo com os rigores da lei”, disse.

Fonte: O Popular

Nenhum comentário:

Postar um comentário