sábado, 27 de junho de 2020

Homem arma emboscada para assaltar o próprio primo, em Campos Belos-GO



Um homem armou uma emboscada para assaltar o próprio primo, na cidade de Campos Belos, no nordeste goiano.

O homem e o primo procuraram a Polícia para relatar um assalto a mão armada nas proximidades de um motel no Setor Don Alano, ocorrido no início da noite da última quarta-feira. Os bandidos teriam levado a quantia de R$ 1.500,00.

Aos policiais o homem e a vítima relataram que estavam indo ver uma motocicleta, pois a vítima tinha interesse em adquirir um veículo e foram assaltados durante o trajeto.

Dois criminosos armados abordaram a dupla e anunciaram o assalto e levaram o dinheiro. Narra os fatos que os criminosos estavam encapuzados.

Demonstrando nervosismo desproporcional, aos fatos e as narrativas controversas, despertaram suspeita ao homem, que em uma nova indagação dos policiais sobre os pontos obscuros da narrativa, resolveu revelar a verdade dos fatos e confessou ter armado a emboscada contra o próprio primo.

O homem contou para a polícia que estava passando por dificuldade financeira e seu primo o procurou com a intenção de comprar uma motocicleta e viu ali uma oportunidade de ganhar o dinheiro do primo.

Aos policiais, o homem disse que chamou dois homens que são irmãos de sua namorada para simular o assalto. O homem disse que a parte dele era levar o primo até o local da emboscada onde os dois cunhados estavam armados.

O Homem informou a polícia para onde os comparsas teriam indo. A Polícia iniciou as buscas pela região, localizaram os dois que saíram pulando muros e deixou parte do dinheiro roubado no assalto para trás, cerca de R$ 450,00.

Na busca pelo restante do dinheiro, os policiais encontraram um motor de motocicleta com numeração raspada e objetos e um simulacro de arma de fogo usada para cometer o assalto.

O caso foi apresentado na Delegacia de Polícia de Campos Belos para providências cabíveis. Um veículo utilizado no assalto foi apreendido. Os dois irmão ainda não foram localizados pela polícia.

Os suspeitos estavam cumprindo regime semiaberto devido a pandemia do novo coronavírus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário