sexta-feira, 31 de julho de 2020

Mulher é presa em Posse-GO suspeita de atuar como "laranja" no esquema de compra e venda de carros pela internet

Momento em que uma das suspeitas chega detida na delegacia, em Goiânia

Duas mulheres foram presas suspeitas de atuarem como "laranjas" no esquema de compra e venda de carros pela internet. Uma mulher foi presa em Posse, no nordeste goiano e a outra em Goiânia, na quinta-feira (30).

Em um dos casos, um homem pagou R$ 67 mil por um veículo, mas o suposto vendedor fugiu com o dinheiro. Segundo a Polícia Civil, o golpe é conhecido como "falso intermediário". O caso é investigado pela Delegacia Estadual de Investigações Criminais (Deic).

Como os nomes das suspeitas não foram divulgados, a reportagem não conseguiu contato com a defesa.

De acordo com o delegado Cássio Arantes, em depoimento, uma das presas confessou o recebimento de dinheiro na conta dela, porém negou que tivesse conhecimento da origem ilícita dos valores.

A outra suspeita será submetida a interrogatório no prazo da prisão temporária, inicialmente de cinco dias. Segundo Arantes, outros dois suspeitos foram identificados, mas estão foragidos.

Golpe do falso intermediário

Segundo o delegado, essa modalidade de golpe é aplicada durante uma negociação de veículos por meio de aplicativos e sites de vendas. Na prática, um intermediário convence tanto o vendedor do carro, quanto o comprador, a não se comunicarem diretamente para, ao final da suposta negociação, induzir que o valor da venda seja depositado em uma conta bancária indicada por ele.

Arantes explica que o dinheiro da negociação costuma ser depositado em contas de laranjas e, em seguida, o golpista some. Assim, além do comprador, o vendedor do veículo também se torna vítima. O dinheiro, depositado em contas de laranjas, é pulverizado para impedir o rastreamento.

“O golpista entrava em contato primeiro com o vendedor, como se fosse comprador. Pedia fotos e informações do veículo e usava para anunciar com valor abaixo do mercado. Ele [golpista] se apresentava como intermediário, usava uma história para o vendedor de que estava comprando esse carro para pagar uma dívida para alguém. Já para o comprador, ele dizia que devia dinheiro para o vendedor e por isso estava vendendo o carro. No final, a vítima acreditava e depositava o dinheiro”, explica o delegado.

A Deic continua com as investigações e acredita que existam mais vítimas desse golpe.



Fonte: G1

Homem foi vítima de homicídio em Flores de Goiás



Na tarde da última quinta-feira (30), por volta das 13h policiais militares deslocaram ao Projeto de Assentamento São João do Buriti, no município de Flores de Goiás, próximo a divisa com o estado de Minas Gerais e também próximo a Coopertinga, onde foram informados que havia ocorrido um homicídio no local.

Segundo testemunhas, o autor havia ameaçado à vítima, um homem de 50 anos de idade, identificado como Alberto Gonçalves de Castro, para que ele não construísse uma cerca, pois segundo o autor, aquele terreno lhe pertencia

Durante uma discussão em razão do imóvel, o autor efetuou disparos de arma de fogo, Alberto foi atingido e morreu no local.

Após o crime o autor empreendeu fuga do local e apesar das diligências não foi localizado. Após a perícia, o corpo foi removido para o IML de Formosa.

Fonte: Foca Lá

Acidente entre caminhão e dois carros deixa três mortos na BR-020, próximo a Posse-GO




Um acidente deixou três pessoas mortas e três feridas na tarde desta sexta-feira (31), na BR-020, próximo ao Balneário Água Quente, no município de Posse, no nordeste goiano.

Segundo informações, o acidente envolveu dois veículos de passeio e um caminhão de uma transportadora.

Ainda não foi esclarecida a dinâmica da batida, que deve ser analisada pela perícia.

O Corpo de Bombeiros e o Samu foram acionados para realizar o atendimento das vítimas.

Segundo os bombeiros, três pessoas foram encaminhadas para o hospital de Posse, não foi informado o estado de saúde.

Ainda segundo os bombeiros, outras três pessoas não resistiram aos ferimentos e morreram no local.

A pista foi completamente interditada para prestação de socorro e perícia do local.

A Polícia Rodoviária Federal esteve no local e registrou o acidente.


Posse-GO: Moradores querem a regularização do fornecimento de energia para acabar com os ‘gatos’ em rua no Setor dos Cafelândios




Cerca de 20 casas no Setor dos Cafelândios, na rua E11, em Posse, no nordeste goiano, tem ligação irregular de energia elétrica, o famoso ‘gato’. Moradores querem sair da ilegalidade, mas não conseguem.

Os moradores já pediram a regularização do fornecimento de energia elétrica, mas esbarram na burocracia e, pior, eles não sabem mais a quem recorrer.

A energia das casas são ligadas em uma rede clandestina de uma outra casa, que cobra uma taxa dos moradores para fornecer o serviço.

Segundo os moradores, vários ofícios foram enviados para Enel, que sempre informa que devem procurar a prefeitura.

A prefeitura informou aos moradores que já enviou vários ofícios para Enel solicitando a estrutura e a regularização da rede elétrica do local, mas segundo os moradores, a prefeitura informou que os ofícios não foram respondidos pela Enel.

A Rua E11 fica a cerca de mil metros da rodoviária, praticamente no centro da cidade. Além das cerca de 20 residências, outras casas estão em construção.

Todos os moradores pagam IPTU e água, falta a instalação da rede elétrica, que está clandestina desde a construção da primeira casa na rua, aproximadamente 5 anos.

O que a gente mais pede é que a concessionaria regularize nossa situação, pois queremos pagar justo pelo que consumimos, até hoje nosso pedido não foi atendido”, lamentou um morador.

PM apreende pés de maconha em Posse-GO



Na manhã desta sexta-feira (31), após denúncia anônima, através do Centro de Operações da Polícia Militar - COPOM de Posse, no nordeste goiano, a equipe do GPT, foi empenhada para averiguar um possível plantio de drogas na Rua 05, Setor dos Cafelândios.

No local informado foi encontrado 07 (sete) pés de cannabis sativa (maconha) e 03 (três) vasos com algumas sementes. A proprietária do imóvel permitiu a entrada da equipe por meio de autorização e após as buscas, foi encontrado uma porção das folhas de maconha secando atrás da geladeira e uma porção de uma substância análoga a crack, escondida entre tijolos da casa.

A mesma afirma que todo material encontrado e as plantas cultivadas pertencem ao seu companheiro, ex-presidiário, que não foi encontrado.

Diante dos fatos foi conduzida a Delegacia de Polícia Civil para as demais providências, sendo autuada pelo crime de Tráfico de Drogas relacionado ao cultivo de plantas que se constituam em matéria prima para a preparação de drogas - Art. 33 da Lei n°. 11.343/2006.

Fonte: 24º BP

Prefeitura de Campos Belos-GO suspende provas e exclui cargos de Concurso Público



A Prefeitura de Campos Belos, no nordeste goiano, divulgou na última quarta-feira (29) uma retificação referente ao Concurso Público que objetiva selecionar profissionais para preenchimento de vagas em cargos efetivos do município.

Segundo o documento de retificação, o cronograma de atividades do Concurso foi alterado e as provas objetivas foram suspensas devido à pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

Além disso, foram excluídos do certame os cargos de professor de artes e professor de ciências. Outra atualização feita foi em relação ao conteúdo programático de informática aos cargos de níveis médio e superior.

PRF participa de ação de combate ao trabalho escravo em Sítio D’Abadia-GO




A Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizou uma operação em apoio ao MPT e à SIT no combate ao trabalho escravo no interior de Goiás. A operação foi realizada entre os dias 28 e 30 de julho, em uma fazenda em Sítio D’Abadia, no nordeste goiano.

No início deste mês, o MPT e os auditores fiscais do trabalho realizaram uma fiscalização na região detectando várias irregularidades. Cerca de 87 pessoas estavam trabalhando em condições precárias em lavouras de café.

Os proprietários da fazenda foram multados e receberam um prazo para regularizar.

Nesta semana, a PRF foi solicitada para dar apoio nessa fiscalização, onde foram detectados que as irregularidades não foram resolvidas e que o proprietário vendeu parte das terras, desfazendo da lavoura e dispensando os trabalhadores.

Segundo dados do Observatório Digital do Trabalho Escravo, de 2003 a 2018 foram resgatados 44.229 trabalhadores em situação de escravidão no Brasil. Goiás ocupa a 3ª posição desse ranking, com 3.747 pessoas resgatadas no mesmo período, o que corresponde a 8,5% dos casos brasileiros.

A PRF, que possui compromissos assumidos por meio das ações constantes no Plano Nacional para Erradicação do Trabalho Escravo, participou como equipe de segurança da operação, dando condições para que os fiscais pudessem trabalhar. Não houve necessidade de uso da força durante a operação.



Fonte: PRF

quinta-feira, 30 de julho de 2020

Ex-vice-prefeito de Cristalina-GO, filho e sogra morrem com coronavírus em intervalo de três dias



Ex-vice-prefeito de Cristalina, João Carlos Fachinello, de 68 anos, morreu nesta quinta-feira (30) por complicações causadas pelo coronavírus. Em um intervalo de três dias, morreram ele, o filho e a sogra.

João Fachinello, que também é empresário, estava internado há quase uma semana com quadro clínico considerado grave, em um hospital particular de Catalão, a 185 km de Cristalina. Um dia antes do ex-vice-prefeito morrer, a sogra dele, Rosa Campagnolo Vaccaro, faleceu.

Outro integrante da família morreu em decorrência do coronavírus na segunda-feira (27). A vítima foi o filho de João Fachinello e vereador de Cristalina, Bernardo Fachinello, de 42 anos.

Todos estavam internados no mesmo hospital de Catalão. A mulher do ex-vice-prefeito, Neri Neusa Fachinello, também teve a doença, mas conseguiu se recuperar e recebeu alta na última sexta-feira.

João Fachinello ocupou a cadeira de vice-prefeito entre 2013 e 2016. Também foi vereador por dois mandatos: de 1989 a 1992 e de 2001 a 2004. Ele presidiu a Câmara Municipal de Cristalina por 5 anos.

O prefeito da cidade, Daniel Sabino Vaz (PSB), lamentou, em nota, a morte do político. "Registro aqui meu reconhecimento, meu respeito e minha gratidão, em nome da população, por tudo que ele fez, foi e representou para Cristalina, onde o seu legado de homem público, da iniciativa privada e de ações filantrópicas, jamais se apagará", afirmou Vaz.

Fonte: G1

Divinópolis de Goiás confirma primeira morte por covid-19




O município de Divinópolis de Goiás, no nordeste do estado, confirmou a primeira morte causada pelo novo coronavírus, segundo informações da Secretaria de Saúde.

Segundo a Secretaria de Saúde, o paciente do sexo masculino do Distrito Vazante, foi transferido para o hospital de campanha em Anápolis no final do mês de junho.

O paciente estava em tratamento devido ao agravo no seu estado de saúde e veio a óbito na quarta-feira dia 29 de julho.

Até o momento Divinópolis de Goiás tem 38 casos confirmados, sendo 23 no Distrito de vazante. 29 casos recuperados, 8 suspeitos e um óbito.

As famílias e os casos confirmados Ativos encontram-se em isolamentos domiciliares, sendo acompanhadas pela equipe de saúde.

Os casos suspeitos notificados estão aguardando resultados de exames laboratoriais para seguimento de condutas dos casos.

As pessoas nas quais os pacientes tiveram contatos antes da confirmação dos casos, foram notificadas a isolamentos domiciliares no período de 7 a 14 dias e estão sendo monitoradas pela vigilância epidemiológica.

Caso você tenha tido contato com um caso confirmado ou suspeito, não procurar o hospital para a realização de testes. O teste só é indicado em pacientes que apresentam sintomas do COVID-19, por indicação médica, obedecendo as normas do protocolo do ministério da saúde.

A orientação para todos que tiveram contato é ficar em isolamento, por um período de 7 a 14 dias. Ainda poderá procurar a vigilância caso precise de justificativa na empresa ou local de trabalho.

A secretaria lembra a importância de que todos fiquem em casa e só saiam quando necessário. E, ainda, que sigam os cuidados com a higienização e o uso de máscaras para proteção e álcool em gel.


Vila Boa-GO: Duas pessoas morrem, após capotamento próximo a barragem do Paranã



Informações ainda preliminares, dão conta de um grave acidente ocorrido na tarde desta quinta-feira (30), na rodovia que dá acesso a barragem do Paranã, em Vila Boa-GO.

Um veículo Fiat Uno de cor vermelha, com 6 pessoas capotou, o condutor, um homem que não teve a identidade revelada e uma mulher morreram no local.

Outras quatro pessoas foram resgatadas com vida.

Há a informação ainda não confirmada que seriam moradores de Formosa.

As informações são do Foca Lá

Ronaldo Caiado anuncia 98% de isenção às indústrias que se instalarem na região do Nordeste Goiano



O governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), orientou seus auxiliares, na manhã desta quinta-feira, 30, a levarem uma proposta de instalação às empresas responsáveis pela fabricação e comercialização de sucos em todo Brasil.

Segundo Caiado, as companhias interessadas em instalarem suas indústrias na microrregião do Vão do Paranã, no nordeste goiano, terão 98% de isenção dos tributos arrecadados pelo Estado.

“Eles terão todo o incentivo e estímulo necessário. Vamos levar dignidade à vida das pessoas do Nordeste Goiano como temos feito na Região Norte. Esse é um compromisso que tenho com aquela região. Não é possível que o cidadão tenha qualidade de vida apenas nas proximidades das cidades mais ricas”, desabafou o democrata.

O anúncio foi feito durante a assinatura dos termos de cooperação e entrega de benefícios para o desenvolvimento do setor agropecuário no Estado de Goiás, nesta manhã.

PRTB pretende ser alternativa da base caiadista nas eleições municipais; há pré-candidatos a prefeito em Alvorada do Norte, Posse, Iaciara e Formosa-GO



O PRTB trabalha para ser alternativa para a base do governador Ronaldo Caiado em diferentes localidades do estado, em que o DEM e outros aliados não devem lançar candidatos ou que não têm nomes competitivos.

De acordo com o presidente estadual do partido e presidente da Iquego, Denes Pereira, o PRTB pretende lançar 50 pré-candidatos a prefeito e espera eleger pelo menos 15.

De acordo com Denes, há nomes competitivos em municípios como: Anápolis, Nerópolis, Senador Canedo, Trindade, Novo Gama, Formosa, Posse, Cristalina, Iaciara, Alvorada do Norte, Niquelândia, Alto Horizonte, Santa Terezinha de Goiás, Caldas Novas, Buriti Alegre, Inaciolândia, Morrinhos, Itumbiara, entre outros.

“Temos quase 50 pré-candidatos em cidades importantes e algumas cidades em que acredito que vamos ganhar as eleições. Pretendemos aí eleger pelo menos 15 prefeitos”, explicou o presidente do PRTB.

Em cidades importantes como Novo Gama, Valparaíso, Caldas Novas, Itumbiara e Senador Canedo, o PRTB espera contar com o apoio do governador. “O governador deixou bem claro, não precisa ser do DEM para ser da nossa base”, disse Denes.

Em Anápolis, o pré-candidato do partido é o ex-superintendente do Porto Seco, Edson Tavares. O partido aposta no crescimento de Tavares durante a campanha. Foi destacado que nas cidades há diferentes prefeitos que foram eleitos e que não eram favoritos para o pleito.  Na cidade, o nome da base caiadista é do prefeito Roberto Naves.

Denes Pereira relatou que o partido tem trabalhado para ter uma forte base nos municípios a fim de preparar para as eleições de 2022. O presidente estadual do PRTB é pré-candidato a deputado federal.

Goiânia

Na capital, o PRTB tem como pré-candidato a prefeito o deputado estadual Charles Bento. A ideia é de fazer atividades conjuntas com pré-candidatos a vereadores pelo partido a partir da próxima semana. O partido tem chapa completa em Goiânia.

“Com o Iris disputando a eleição, a realidade é uma; se não disputar, é outra. Temos o deputado Charles Bento que é bem votado na região noroeste, vamos eleger aí pelo menos três vereadores, temos candidatos fortes, importantes. Vamos começar rodadas de dez em dez com os pré-candidatos a vereadores e com o pré-candidato a prefeito Charles Bento”, afirmou.

Nos bastidores é cotado um apoio do PRTB para o pré-candidato Wilder Morais (PSC). Denes Pereira nega que tenha algum tipo de apoio a Wilder e que o PRTB trabalha na pré-candidatura de Charles Bento. “Nós criamos um grupo de quatro partidos para discutir a eleição em Goiânia em conjunto, isso é natural, cada partido sabe onde aperta o seu calo. O senador Wilder fechou com o PMN e com o Avante que fazia parte do grupo. Não estamos descartando, mas não tem nenhuma conversa para apoiar o Wilder. Estamos mantendo a candidatura do Charles Bento”, argumentou.

Aparecida

Denes Pereira informou em Aparecida que mesmo com o prefeito Gustavo Mendanha tendo boa vantagem político-eleitoral, o PRTB tem pré-candidato, o suplente de deputado estadual Willian Ludovico. O partido também busca ser alternativa da base na cidade.

“O Gustavo não é unanimidade, o PRTB está se colocando, não é conversa fiada, não é vice e estamos trabalhando para ser alternativa do governador.  O Willian conhece a cidade e tem condições de disputar as eleições”, afirmou Denes.

Fonte: Mais Goiás

Ciclista morre após ser atingido por caminhonete na BR-020, próximo a Roda Velha



Uma colisão envolvendo uma caminhonete VW Amarok e uma bicicleta por volta das 22h de segunda-feira (27), na rodovia BR-020, na altura do KM 99, depois de Roda Velha, município de São Desidério, no Oeste da Bahia, deixou um ciclista morto.

De acordo com informações passadas a nossa reportagem, o veículo VW Amarok de cor preta trafegava pela BR citada acima sentido Luis Eduardo Magalhães, quando foi surpreendido por um ciclista que estava trafegando sentido Brasília porém na contramão, não dando tempo do condutor da caminhonete desviar, acontecendo a colisão.

Com o impacto, a bicicleta foi destruída e o corpo mutilado/esfacelado. No local foi encontrado partes do corpo da vítima. A parte do tronco ficou enganchado no veículo e só foi parar cerca de 300 metros do ponto inicial da colisão.

Uma equipe do Posto de Saúde de Roda Velha ainda esteve no local, mas nada pôde fazer a não ser constatar o óbito. O mesmo foi identificado por Robert Martins Viana de 51 anos, natural de Teresina/PI.

Já os dois ocupantes do veículo (homem e mulher) não ficaram feridos, pois os Airbags foram acionados, mas tiveram que ser encaminhados para Unidade de Saúde de Roda Velha para serem medicados.

A Polícia Rodoviária Federal-PRF esteve no local isolando a área do acidente até a chegada da Polícia Técnica que realizou a perícia, levantamento cadavérico e no veículo.

O rabecão de Luis Eduardo Magalhães removeu o corpo para o necrotério de Barreiras.

O veículo foi liberado e removido por um guincho particular.

De acordo informações passadas a nossa reportagem, o ciclista saiu do Piauí com destino a região Oeste, onde faria entrega de currículos.

Fonte: Blog Braga


Campos Belos-GO: Exame de homem que morreu dá negativo para Covid-19



Deu como não detectado o resultado do exame para Covid-19 do paciente Iris Neto Rodrigues dos Santos, 38 anos, morador de Campos Belos, no nordeste goiano.

Ele, que era uma pessoa portadora de necessidades especiais, morreu no último dia 25 de julho, após ter sido transferido para o hospital de campanha de Águas Lindas de Goiás, montado pelo governo federal para bem acolher os portadores da doença causada pelo novo coronavírus.

O rapaz foi socorrido por familiares para a UPA de Campos Belos (GO), há cerca de 16 dias, se queixando de faltar de ar. No local, um teste rápido não detectou a Covid-19.

Pela piora do quadro médico dele, os médicos de Campos Belos (GO) decidiram por encaminhá-lo para o Hospital de Campanha de Águas Lindas, no Entorno de Brasília

Lá, sua saúde foi piorando a cada dia e ele precisou ser entubado.  No último dia 25, ele não resistiu às complicações médicas e morreu.

Antes, no dia 22, o paciente tinha feito um exame PCR, aquele que coleta secreções pelo nariz, para a detecção da Covid-19.

Como não tinha o resultado do exame, no documento de óbito emitido pelos médicos, foi declarado que ele morreu com forte suspeita de ser Covid-19.

E assim foi sepultado em Guarani de Goiás, com as honras fúnebres respeitando todos os protocolos de quem morre pela doença.

Na quarta-feira (29), no entanto, a família recebeu o resultado do exame PCR feito por ele antes de morrer.

E para surpresa de muitos, e não da família que dizia a todo instante que o rapaz não tinha morrido de Covid, o exame deu negativo, segundo o laudo do laboratório.

"Queria informar ao senhor que o resultado do teste do meu tio saiu. Ele não tinha covid-19. Morreu apenas de sepse pulmonar", disse uma sobrinha dele ao Blog.

Fonte: Dinomar Miranda

quarta-feira, 29 de julho de 2020

Rússia acelera processo e promete vacina contra a Covid-19 para agosto



A Rússia pretende aprovar uma vacina contra o novo coronavírus até 10 de agosto e com isso se tornar o primeiro país do mundo na corrida pela imunização da covid-19. De acordo com a CNN internacional, a substância está sendo desenvolvida pelo Instituto Gamaleya, baseado em Moscou, mas tem levantado preocupações sobre sua eficácia, segurança e processos de desenvolvimento.

Agentes federais russos ouvidos pela CNN afirmam que o objetivo é disponibilizar a imunização para o público em até duas semanas, com profissionais da saúde na linha de frente sendo os primeiros a receberem a vacina.

De acordo com a publicação, o país não divulgou nenhuma informação científica sobre a pesquisa, cuja eficácia ou segurança ainda não foram comprovadas. Críticos a aceleração no processo de aprovação da vacina alegam que há uma pressão do kremlin para que a Rússia seja retratada como uma força científica global.

Outra preocupação é de que os testes em humanos ainda estariam incompletos e a vacina não teria passado da segunda fase do processo (veja mais abaixo). A ideia seria começar a terceira fase de testagens em 3 de agosto, paralelamente à vacinação em profissionais de saúde.

Cientistas russos, entretanto, afirmam que a vacina está sendo desenvolvida de forma rápida por ser adaptada de uma versão já existente e usada contra outras doenças. O processo é similar ao que o laboratório Moderna tem desenvolvido com o apoio do governo norte-americano, cujos testes chegaram à fase 3 ainda nesta semana.

Ainda nesta segunda-feira, 27, o instituto estatal russo de virologia Vector iniciou testes clínicos - feito em humanos - de uma segunda candidata a vacina contra a covid-19. Segundo a agência de notícias RIA, cinco voluntários receberam o imunizante nessa fase.

Fase exploratória ou laboratorial: Fase inicial ainda restrita aos laboratórios. Momento em que são avaliadas dezenas e até centenas de moléculas para se definir a melhor composição da vacina.

Fase pré-clínica ou não clínica: Após a definição dos melhores componentes para a vacina, são realizados testes em animais para comprovação dos dados obtidos em experimentações in vitro.

Fase clínica: É a testagem do produto em seres humanos. Esta fase do processo se divide em três:

Fase 1 - a primeira etapa tem por objetivo principal testar a segurança do produto. São testados poucos voluntários, de 20 a 80, geralmente adultos saudáveis.

Fase 2 - a segunda etapa da testagem em seres humanos analisa mais detalhadamente a segurança do novo produto e também sua eficácia. Em geral, é usado um grupo um pouco maior, que pode chegar a centenas de pessoas.

Fase 3 - na última etapa o objetivo é testar a segurança e eficácia do produto especificamente no público-alvo a que se destina. Nesta etapa, o número de participantes pode chegar a milhares. Mesmo depois da aprovação, nova vacina continua sendo monitorada, em busca de eventuais reações adversas.

Fonte: Terra

Goiás soma mais de 1.500 mortos por coronavírus



A Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO) informa que há 61.590 casos de doença pelo coronavírus 2019 (Covid-19) no território goiano. Destes, há o registro de 54.380 de pessoas recuperadas e 1.501 óbitos confirmados. No Estado, há 120.632 casos suspeitos em investigação. Outros 53.824 já foram descartados.

Há 1.501 óbitos confirmados de Covid-19 em Goiás até o momento, o que significa uma taxa de letalidade de 2,44%. Há 61 óbitos suspeitos que estão em investigação. Já foram descartadas 797 mortes suspeitas nos municípios goianos.

Painel Covid-19

O boletim com as notificações da SES-GO foi informatizado e realiza o processamento dos dados a partir dos sistemas do Ministério da Saúde (e-SUS VE e Sivep Gripe). Eventuais diferenças são justificadas por ajustes nas fichas de notificação pelos municípios, como por exemplo, a atualização do local de residência da pessoa.

Para conferir os detalhes dos casos e óbitos confirmados, suspeitos e descartados, acesse o painel Covid-19 do Governo de Goiás por meio do link http://covid19.saude.go.gov.br/.

Sobre os dados

Desde as primeiras confirmações de doença pela Covid-19, a SES-GO divulga boletins diários com atualizações sobre os casos confirmados e óbitos. Os números são dinâmicos e passíveis de mudanças após investigação mais detalhada de cada situação. Os boletins são elaborados a partir dos dados inseridos nos sistemas e-SUS VE e SIVEP Gripe, do Ministério da Saúde, pelas diversas instituições de saúde cadastradas no Estado, conforme endereço de residência informado pelos usuários.

Os dados podem ser alterados para mais ou para menos conforme investigação das Vigilâncias Epidemiológicas Municipais e atualização das fichas de notificações pelos municípios nos sistemas oficiais. Diante de eventuais inconsistências nos números, estes serão atualizados a partir das correções feitas pelas cidades nos sistemas de notificação.

O responsável pela notificação deve registrá-la e mantê-la devidamente atualizada nos sistemas oficiais de notificação, desta forma, se cada um fizer corretamente sua parte, a informação é democratizada e disponibilizada a todos em tempo oportuno.

Os dados deste boletim foram divulgados às 18h45 de terça-feira, 28 de julho de 2020.

Comunicação Setorial SES - Governo de Goiás

Governador de Goiás defende retorno das aulas só com vacina



Em entrevista à TV Anhanguera ontem (28), o governador Ronaldo Caiado (DEM) disse que a retomada das aulas presenciais só poderá ocorrer de forma tranquila e confiável depois que a vacina contra o novo coronavírus (Sars-CoV-2) estiver disponível. Ele ainda disse que espera que se construa um “sentimento de unanimidade no País para que este retorno só seja autorizado após a vacina.” A fala gerou repercussão e a Secretaria Estadual de Educação (Seduc) informou que segue as orientações das notas técnicas da Secretaria Estadual de Saúde (SES). A pasta e o Sindicato dos Estabelecimentos Particulares de Ensino de Goiás (Sepe-GO) defendem a discussão.

Apesar de a afirmação ser opinião pessoal do governador, pais de alunos estão preocupados. A comerciante Ana Carolina Batista, de 38 anos, tem um casal de filhos, de 8 e 12 anos. Ela diz que está dividida e ainda não consegue se decidir sobre o retorno. “Por um lado eu penso que preciso da escola porque meu trabalho está a pleno vapor e não tenho com quem deixar as crianças, mas por outro, não sei se terei coragem de mandá-los para a escola por enquanto”, diz.

Ana Carolina diz que tem levado os filhos para o trabalho. “Eu ainda tenho esta opção, mas penso em quem não tem. Nestes casos a escola é fundamental.” A comerciante diz que vai esperar as decisões técnicas para avaliar, quando for a hora, se vai ou não levar os filhos para a escola.

A comerciante diz que os filhos vivem dizendo que querem voltar para a escola, que em casa não estão aprendendo com o ensino remoto. “Mas não é só isso que conta. A gente se preocupa com a segurança deles e da família. Dizem que crianças são, na maioria, assintomáticas.”

A diretora de vigilância epidemiológica da Prefeitura de Goiânia, Grécia Pessoni confirma que a maioria das crianças e adolescentes é assintomática e que poucos pais fazem testes nos filhos nos casos de suspeita. O total de casos confirmados da doença em Goiânia na faixa etária até 19 anos sempre gira em torno de 3%. No último boletim, publicado na tarde de ontem, a Secretaria Municipal de Saúde informou que existem 15.411 confirmações, sendo 272 casos de crianças até dez anos e 521 confirmações em crianças e adolescentes entre 10 e 19 anos.

Coordenadora de escola particular em Goiânia, Valéria Lúcia de Almeida, diz que tem feito pesquisa com os pais para saber sobre o retorno. Ela garante que muitos pais que tinham medo de levar os filhos de volta para a escola já afirmam que podem se sentir seguros a depender das estratégias que podem ser tomadas. “Como somos uma escola pequena, estamos mantendo contato próximo com os pais para acompanhar a evolução desta expectativa.”

Valéria diz que já há discussão interna para uma possível volta em setembro, conforme foi sugerido há poucos dias pelo Centro de Operações de Emergências (COE) em Saúde Pública de Goiás. “A gente percebe que muitos pais têm, na escola, o suporte para trabalharem e realizarem suas atividades. A gente espera que nas próximas discussões do COE sejam levadas em consideração as questões sociais e de saúde pública. Se é possível voltar o funcionamento de galerias comerciais, acredito que escolas também têm condição de reabrir com cautela e cuidados.”

Conselho

Presidente do Sepe-GO, Flávio de Castro disse que acompanhou a fala do governador na entrevista ontem. Ele diz que o ideal para a retomada geral do funcionamento de todas as atividades seria a vacina, mas defende discussão mais aprofundada sobre o tema. Ele diz que a questão das escolas precisa ser olhada com carinho, justamente pelo que a escola significa e representa na sociedade.

Uma nova reunião para discutir a retomada das aulas presenciais em Goiás está marcada para ocorrer no dia 15 de agosto. O COE deverá, novamente, analisar os dados técnicos de evolução da doença no Estado para definição sobre esta questão. “Neste momento queremos ter a tranquilidade para discutir de forma segura este retorno. Precisamos definir o que poderia ser feito e de que forma para garantir a segurança e a saúde dos nossos alunos neste retorno.”

O presidente do sindicato ainda diz que não defende a definição de uma data, mas acredita que é necessário que se programe isso dentro de uma realidade de casos em Goiás, como ocorreu com todas as outras áreas econômicas. “Para todas as atividades só será realmente seguro e confiável quando tivermos a vacina. Quando se aventa discutir o retorno das aulas começam as críticas, mas precisamos de mais carinho para olhar esta situação. Mesmo sem data, é preciso pensar em estratégias.”

Fonte: O Popular

terça-feira, 28 de julho de 2020

PM prende traficantes que levavam drogas para Alto Paraíso de Goiás



A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) prendeu, nesta terça-feira (28/7), dois homens suspeitos de tráfico de drogas. Eles foram abordados na DF-345, em Planaltina, e lavavam as substâncias para Alto Paraíso de Goiás, na região da Chapada dos Veadeiros.

Segundo os militares, o veículo dos suspeitos foi parado em um ponto de bloqueio. Durante a busca do carro, os policiais militares encontraram aproximadamente 15 Kg de maconha e meio quilo de cocaína tipo “escama de peixe”, além de R$ 886.

Questionados, os abordados informaram que vinham de Goiânia e iriam distribuir a droga na região de Alto Paraíso de Goiás.

Os suspeitos foram encaminhados à 16ª DP (Planaltina) para o registro da ocorrência. Eles foram autuados por tráfico de drogas interestadual.

Fonte: Correio Web

Rapaz está desaparecido entre Campos Belos-GO e Arraias-TO



Este rapaz se chama Lucas Pereira Souza Oliveira, de 26 anos. É um jovem especial, com doença mental, morador da cidade de Campos Belos (GO), nordeste do estado, região da Chapada dos Veadeiros.

Ele gosta de andar pelas ruas da cidade com uma cachorrinha, que é sua companheira.

Tem gestos repetitivos, principalmente de cuspir nas mãos e jogar para cima, ou dar chutes em paredes ou em árvores.

Lucas Pereira está desaparecido desde a última sexta-feira (24) à noite.

A última vez que foi visto foi no domingo (26), depois da cidade vizinha de Arraias (TO), distante mais de 35 km de sua residência.

Por óbvio, a família está desesperada com o sumiço, principalmente por ele ser especial e não ter muita noção dos perigos que possam afligir danos, inclusive à sua vida.

Se você tiver qualquer notícia do jovem Lucas, entre em contato nos canais deste Blog.

Fonte: Dinomar Miranda

Piloto de voo livre é internado após ser atacado por jumento durante pouso em Formosa-GO



Piloto de voo livre de Campo Grande - que realizou pouso de asa delta em pasto no Vale do Paranã, em Goiás -, Edson Zardo foi atacado por um jumento enquanto descansava, de costas, em uma sombra na área onde pousou, no sábado (25).

Ele sofreu fissuras nos ossos da mão direita e pé direito, além de vários ferimentos mais leves, e está internado no Hospital Home, em Brasília, para onde foi transferido por precisar de procedimento especial de desinfecção nos ossos lesionados pelo animal.

O caso foi divulgado em página chamada “Air Boys Team”, do Instagram, espaço voltado ao público do esporte praticado por Edson. Para a página, deu entrevista por transmissão de vídeo e relatou o acidente. Apesar do humor demonstrado ao contar sobre acidente “inusitado”, disse ter passado momentos de pânico ao “ter achado que ia morrer”.

A região onde ele pousou é conhecida por ser um “pico” dos praticantes de voo livre. O vale é localizado no município de Formosa, interior de Goiás, próximo à divisa com Brasília, a 87 km do Distrito Federal.

Hospital Regional de Formosa-GO ganha quatro leitos de UTI para Covid-19



O Hospital Regional de Formosa inaugurou, nesta terça-feira (28), quatro leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) destinados para atender pacientes da Covid-19. A ala está equipada com respiradores, monitores e bombas de infusão.

A equipe do local é composta por sete médicos, oito técnicos de enfermagem, seis fisioterapias e cinco enfermeiros. A novidade vem em boa hora na cidade que já registra 589 casos confirmados e 12 mortes pela doença

A diretora da unidade, Vânia Gomes Fernandes, destaca que outros seis leitos estão sendo preparados no hospital. Segundo ela, falta terminar a canalização de gases que evitam as trocas dos cilindros em meio as emergências. É fundamental ter um hospital com UTI para dar mais suporte à população. Assim, podemos ajudar a mitigar os atuais índices de Covid-19 na região”, destaca.

Vânia frisa que a unidade vai atender moradores de Formosa, mas também de cidades vizinhas. Ela pontua que uma aquisição de grande valia foi a aquisição de um novo aparelho de raio-x. Segundo ela, o equipamento torna o atendimento mais ágil, já que as imagens vão imediatamente para o sistema de informação do paciente. Com isso, o médico irá acompanhar a evolução do tratamento e ter mais informações disponíveis para avaliar cada caso.

A unidade foi estadualizada em abril deste ano e o Instituto de Medicina, Estudos e Desenvolvimento (IMED) assumiu a gestão em junho. Foi determinado a abertura de dez leitos de UTI para pacientes com o novo coronavírus. Como as obras ainda estão em andamento, a população ainda pode contar com os serviços Pronto Socorro 24 horas, clínicas médica, ortopedia e atendimentos a gestantes.

A gente se importa

A administradora do hospital, destaca que, em parceria com o Governo de Goiás, desenvolveu um sistema remoto de mapeamento, triagem e acompanhamento de pessoas com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG). Com isso, duas equipes de enfermagem com oxímetros, medidores de pressão e temperatura estão à disposição para atender a população de segunda à sexta, das 8h às 18 horas.

Além disso, ela destaca que o aplicativo A gente se importa está no site http://hospital-formosa.org.br a pessoa responde perguntas sobre a condição de saúde, complementa com o dados pessoais e endereço para saber o resultado sobre o grau de risco. Se ficar comprovado um estado crítico, a pessoa é orientada a procurar um serviço de saúde. Se o paciente morar em Formosa e Luziânia, onde o app foi implantado, o morador receberá uma ligação de um profissão de Saúde e, dependendo da condição, uma visita da equipe de enfermagem para já fazer a triagen e encaminhado para o hospital.

Festa com mais de 100 pessoas em casa de eventos é interrompida em Luís Eduardo Magalhães-BA





Uma festa que reuniu mais de 100 pessoas em uma casa de eventos de Luís Eduardo Magalhães, cidade do oeste da Bahia, foi interrompida por policiais e guardas municipais, no domingo (26). O local foi interditado e três pessoas, incluindo uma adolescente de 15 anos, foram levadas para a delegacia.

Segundo a polícia, havia muita aglomeração no local. As pessoas não usavam máscaras e consumiam bebidas alcoólicas.

Ainda de acordo com a polícia, o proprietário da casa de eventos já tinha sido notificado sobre a proibição de realização de eventos como medida para enfrentamento a Covid-19. Por causa disso, ele foi multado em R$ 2 mil.

Além dele, um outro rapaz e uma adolescente foram encaminhados para a delegacia para prestarem depoimento.

A festa foi encerrada durante fiscalizações montadas para evitar aglomeração de pessoas e também para o cumprimento dos decretos que visam combater a Covid-19. Em pouco mais de um mês, 22 locais foram interditados, 38 notificados e dois multados.

Até domingo, de acordo com o boletim epidemiológico, a cidade já tinha 832 casos da Covid-19, com oito mortos. Há um mês, Luís Eduardo Magalhães se tornou a cidade do oeste da BA com mais óbitos pelo novo coronavírus.

Fonte: G1

GPT aprende arma de fogo em Posse-GO



Policiais do Grupo de Patrulhamento Tático (GPT), em patrulhamento pelo setor Morada do Sol, realizou a abordagem de um veículo suspeito entrando na cidade de Posse, no nordeste goiano.

O veículo estava usando um desvio, uma estrada de pouco movimento.

No veículo foi encontrada uma arma de fogo, uma espingarda calibre 28, com 08 (oito) munições, com 05 (cinco) intactas, 01 (uma) recarregada e 02 (duas) deflagradas.

O condutor não tinha o registro do armamento, então a equipe conduziu o mesmo a Delegacia de Polícia Civil para os procedimentos cabíveis, sendo autuado pelo Art. 14 do Estatuto do Desarmamento Porte ilegal de arma de fogo de uso permitido da Lei n°. 10.826/2003.

Fonte: 24º BPM

Goinfra demite dois servidores investigados por obra de aeródromo de Mambaí-GO



A Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra) demitiu dois servidores de carreira envolvidos em suspeitas de irregularidades nas obras do aeródromo de Mambaí, no nordeste goiano.

Uma reportagem mostrou em fevereiro que o governo estadual pagou R$ 2,21 milhões pelo empreendimento, mas laudo técnico indica 14 serviços registrados nas medições como realizados, mas que não foram executados. Além dos processos administrativos disciplinares (PADs) contra os servidores, há investigações na Polícia Civil (PC-GO) e no Ministério Público Estadual (MP-GO) sobre possíveis desvios de recursos.

Na quinta-feira (23), a Goinfra publicou portaria de rescisão do contrato de trabalho por justa causa do servidor celetista Marcos Martins Teodoro, analista de Transporte e Obras, que era gerente de Aeroportos do órgão na época. Ele foi condenado no PAD por três faltas funcionais previstas na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT, decreto-lei nº 5.452/43): ato de improbidade; incontinência de conduta ou mau procedimento; e desídia no desempenho das respectivas funções (alíneas a, b e e do artigo 482).

Em 2 de junho, foi publicada portaria com a demissão do servidor estatutário Joerlindo Parreira, técnico de nível superior (engenheiro) e responsável pela fiscalização das obras do aeródromo. Ele foi condenado por quatro transgressões disciplinares do Estatuto dos Servidores Públicos de Goiás: faltar à verdade no exercício de suas funções, por malícia ou má fé; trabalhar mal, intencionalmente ou por negligência; praticar crimes contra a administração pública; e lesar os cofres públicos ou dilapidar o patrimônio estadual.

Além da demissão, Joerlindo fica inabilitado para investidura em novo cargo público estadual por dez anos. De acordo com a conclusão do PAD, ele não registrou subcontratações na obra, proibidas no contrato, e não informou locação irregular de terreno no Estado da Bahia, além de ter feito medições sem que os serviços tenham sido executados, “causando prejuízo à Goinfra”.

Já no caso de Marcos Teodoro, o PAD aponta irregularidade sobre o terreno na Bahia e área de preservação ambiental e assinatura de medições de serviços e autorização de pagamento sem que os serviços tenham sido executados. De acordo com o processo, mesmo após visita ao local e verificação de que não havia obra alguma, o então gerente “não formalizou o ocorrido, tampouco evitou os pagamentos das medições”.

Joerlindo Parreira protocolou uma ação anulatória do PAD, com liminar negada em primeiro grau, e recorreu ao Tribunal de Justiça (TJ-GO), segundo informações de seu advogado, João Augusto Chaves Gomes. Em março, o ex-fiscal das obras negou as irregularidades, afirmando que as medições estavam corretas. Segundo ele, houve a realização dos serviços, mas o tempo de paralisação e as chuvas provocaram deterioração. “Tenho 35 anos de serviços na agência. Não fiz nada de errado”, afirmou Joerlindo.

Em nota enviada ontem à reportagem, o advogado de Joerlindo diz que houve falsificação da assinatura de Joerlindo em uma medição da obra. “Não temos dúvidas das irregularidades cometidas durante o Processo Disciplinar e provaremos judicialmente que o mesmo deve ser anulado”, diz a nota.

A reportagem tentou contato com Marcos Teodoro, mas o celular registrado em sua ficha funcional estava indisponível e não há informações sobre a defesa.

Outros três servidores da Goinfra são alvos de PADs, ainda em andamento. O presidente da autarquia, Pedro Henrique Sales, afirma que tentará uma negociação com a empresa para retomar as obras, “resguardando o Estado”.

Aeródromo

A reportagem mostrou em fevereiro que as medições e pagamentos realizados apontavam 60% dos serviços do aeródromo de Mambaí finalizados. Porém, laudo técnico concluído em janeiro de 2020 relatou um grande formigueiro no meio do que seria a pista de pouso, nenhuma camada de asfalto, erosão na cabeceira, sistema de drenagem incompleto e um terminal de passageiros totalmente sem piso.

Os repasses de R$ 2,2 milhões ocorreram em 2015, com recursos de arrecadação do Detran. A obra está paralisada desde julho de 2018. O contrato total é de R$ 3,68 milhões.

De acordo com a vistoria, houve apenas a chamada imprimação, que é a aplicação de uma camada de material que forma a superfície para construir o asfalto, e com produto inferior ao que foi contratado. Como não houve a cobertura, a imprimação se desgastou.

As obras tiveram início em setembro de 2014, em um pacote do governo de Marconi Perillo (PSDB) para construção de aeródromos no interior. O prazo estabelecido para execução era de 120 dias no contrato com a empresa Castelo Construções.

Além dos supostos pagamentos indevidos, as investigações indicam irregularidade no início da obra, realizada primeiramente em terreno localizado na Bahia, sendo diferente daquele previsto no projeto. Mais tarde, teria havido a correção, com indicação da nova área.

O ex-presidente da Agetop (atual Goinfra) Jayme Rincón, responsável pelo planejamento, contratação e autorização da obra, afirmou em março que as investigações tiveram início em sua gestão e que caberiam penalidades ao fiscal da obra, caso fossem comprovadas as irregularidades. “O que estão encontrando agora é a continuidade dos processos que abrimos”, disse.

Mambaí, que fica na divisa com a Bahia, tem população estimada de 8.882 habitantes, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A previsão era que o aeródromo receberia 120 aeronaves por ano e o governo afirmava que a obra favoreceria a economia e o desenvolvimento da região.

Em 12 de março, a PC-GO cumpriu 17 mandados de busca e apreensão para investigar o desvio de recursos da obra em Mambaí. Os alvos não foram divulgados oficialmente, mas reportagem do jornal O Popular mostrou que incluíam servidores da Goinfra e funcionários das empresas responsáveis pelo empreendimento. O delegado Luiz Gonzaga, um dos responsáveis pela operação, disse ontem que não há novidades no inquérito e o grupo ainda está na fase de análise do material apreendido.

Fonte: O Popular

Comarca de Alvorada do Norte-GO divulga abertura de seleção para vaga de assistente administrativo



As comarcas de Alvorada do Norte e São Miguel do Araguaia divulgam a abertura de seleção para vaga de assistente administrativo.

O juiz Pedro Henrique Guarda Dias, da comarca de Alvorada do Norte, informa que o candidato deve ter experiência em gabinete na confecção de minutas de despachos, decisões e sentenças nas áreas Cível e Família. Currículos para o e-mail: phgdias@tjgo.jus.br.

Já o juiz Camilo Schubert Lima, de São Miguel do Araguaia, comunica que o candidato para a vaga de assistente administrativo deve ser formado em Direito e ter experiência na confecção de minutas de despachos, decisões e sentenças.

O interessado para a vaga de São Miguel do Araguaia deve encaminhar o currículo para o e-mail cslima@tjgo.jus.br, até às 18 horas do dia 29 de julho.

Fonte: TJGO