A1

terça-feira, 28 de julho de 2020

Hospital Regional de Formosa-GO ganha quatro leitos de UTI para Covid-19



O Hospital Regional de Formosa inaugurou, nesta terça-feira (28), quatro leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) destinados para atender pacientes da Covid-19. A ala está equipada com respiradores, monitores e bombas de infusão.

A equipe do local é composta por sete médicos, oito técnicos de enfermagem, seis fisioterapias e cinco enfermeiros. A novidade vem em boa hora na cidade que já registra 589 casos confirmados e 12 mortes pela doença

A diretora da unidade, Vânia Gomes Fernandes, destaca que outros seis leitos estão sendo preparados no hospital. Segundo ela, falta terminar a canalização de gases que evitam as trocas dos cilindros em meio as emergências. É fundamental ter um hospital com UTI para dar mais suporte à população. Assim, podemos ajudar a mitigar os atuais índices de Covid-19 na região”, destaca.

Vânia frisa que a unidade vai atender moradores de Formosa, mas também de cidades vizinhas. Ela pontua que uma aquisição de grande valia foi a aquisição de um novo aparelho de raio-x. Segundo ela, o equipamento torna o atendimento mais ágil, já que as imagens vão imediatamente para o sistema de informação do paciente. Com isso, o médico irá acompanhar a evolução do tratamento e ter mais informações disponíveis para avaliar cada caso.

A unidade foi estadualizada em abril deste ano e o Instituto de Medicina, Estudos e Desenvolvimento (IMED) assumiu a gestão em junho. Foi determinado a abertura de dez leitos de UTI para pacientes com o novo coronavírus. Como as obras ainda estão em andamento, a população ainda pode contar com os serviços Pronto Socorro 24 horas, clínicas médica, ortopedia e atendimentos a gestantes.

A gente se importa

A administradora do hospital, destaca que, em parceria com o Governo de Goiás, desenvolveu um sistema remoto de mapeamento, triagem e acompanhamento de pessoas com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG). Com isso, duas equipes de enfermagem com oxímetros, medidores de pressão e temperatura estão à disposição para atender a população de segunda à sexta, das 8h às 18 horas.

Além disso, ela destaca que o aplicativo A gente se importa está no site http://hospital-formosa.org.br a pessoa responde perguntas sobre a condição de saúde, complementa com o dados pessoais e endereço para saber o resultado sobre o grau de risco. Se ficar comprovado um estado crítico, a pessoa é orientada a procurar um serviço de saúde. Se o paciente morar em Formosa e Luziânia, onde o app foi implantado, o morador receberá uma ligação de um profissão de Saúde e, dependendo da condição, uma visita da equipe de enfermagem para já fazer a triagen e encaminhado para o hospital.

Nenhum comentário:

Postar um comentário