quarta-feira, 23 de setembro de 2020

Suspeito de fraudar sistema do Detran-DF é preso em Alto Paraíso de Goiás


Um homem suspeito de fraudar o sistema de informática do Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) foi preso na segunda-feira (21) em Alto Paraíso de Goiás, na região da Chapada dos Veadeiros.

A PC apurou que houve um prejuízo de R$ 1, 3 milhão aos cofres públicos no período entre maio de 2019 e janeiro deste ano.

Além do suspeito, a 2ª fase da Operação Backdoor apreendeu equipamentos de informática de alto valor, que serão periciados. Conforme apurado pela corporação, o investigado teria se aproveitado de problemas no sistema do Detran e assim conseguido cancelar multas e retirar restrições judiciais e administrativas.

As investigações apontaram que as fraudes eram solicitadas pelos proprietários ou usuários dos veículos a despachantes que encomendavam o serviço de alteração no sistema Getran a hackers especializados nesse tipo de crime. Em alguns casos, segundo a PC, as alterações foram feitas para liberar veículos destinados a leilão.

De acordo com a polícia, Backdoor, é o termo em inglês que define a vulnerabilidade utilizada pelos hackers para o cometimento das fraudes. A primeira fase da operação aconteceu em julho deste ano quando foram cumpridos cinco mandados de prisão temporária e oito mandados de busca em residências e no local de trabalho dos investigados.

Fonte: O Popular

Nenhum comentário:

Postar um comentário