Vacinação

Conceito Fase 1

terça-feira, 19 de janeiro de 2021

Veja quantas doses cada cidade goiana terá para a 1ª etapa de vacinação contra a Covid-19


A Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO) dividiu as doses da CoronaVac que chegaram a Goiânia entre os 246 municípios goianos. Segundo a pasta, o critério usado para saber quantas vacinas iriam para cada cidade foi o número estimado de habitantes de cada uma.

Clique aqui e veja quantas doses cada cidade de Goiás deve receber

No total, foram distribuídas 90.280 doses. O restante, de acordo com a SES, deve ficar armazenado como “reserva técnica”. A reportagem pediu mais detalhes, na manhã desta terça-feira (19), sobre essa estratégia de distribuição e aguarda retorno.

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), informou que 2,1 milhões de pessoas em Goiás fazem parte do primeiro grupo a ser imunizado, seguindo as diretrizes de prioridade determinadas pelo Ministério da Saúde (MS).

Transporte das vacinas

As vacinas foram levadas a cada regional por quatro caminhões refrigerados e dois aviões. As aeronaves foram usadas para entregar as doses nas unidades mais distantes: Posse e Campos Belos de Goiás.

De acordo com a SES, todas as vacinas foram entregues às 18 regionais do órgão ainda na segunda-feira (18). O processo de distribuição para que as doses cheguem a cada cidade deve continuar nesta terça-feira.

Primeiros goianos vacinados

Uma moradora de um abrigo de idosos em Anápolis foi a primeira goiana a receber a vacina contra a Covid-19 em Goiás. A dose foi aplicada pelo próprio governador Ronaldo Caiado, que é médico, na tarde de segunda-feira. Maria Conceição da Silva, de 73 anos, tem seis filhos e trabalhou como doméstica e gari.

Em Goiânia, a técnica de enfermagem Paulete Pereira dos Santos, de 50 anos, foi a primeira profissional da saúde de Goiás a receber a vacina contra o coronavírus. A dose também foi aplicada pelo governador.

Horas depois de vacinar Paulete, Caiado vacinou o segundo profissional de saúde no estado. O técnico de enfermagem Reinaldo Barcelos Ferro Júnior, de 35 anos, que atua desde abril em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital e Maternidade Municipal Celia Câmara (HMMCC), que estava voltado ao atendimento para pacientes com Covid-19.

Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário