sábado, 10 de abril de 2021

Hospital Regional de Formosa-GO inaugura mais 10 leitos na UTI


A história recente do Hospital Regional de Formosa é composta por grandes conquistas. Desde junho de 2020, quando foi estadualizado, o HRF passou por reformas estruturais, dobrou o número de atendimentos, adquiriu novos equipamentos e inaugurou dez leitos de UTI, um marco para o município, que tem uma população estimada em 120 mil habitantes e até então não contava com UTI para atender os casos mais críticos.

Na quinta-feira, 8, a unidade do Governo de Goiás administrada pelo Instituto de Medicina, Estudos e Desenvolvimento (Imed) no município do Entorno do Distrito Federal escreveu mais uma pagina de sua trajetória. O hospital ampliou sua capacidade de atendimento, com a inauguração de mais dez leitos de UTI para acolher e tratar pacientes graves da Covid-19.

“É um momento muito importante para nós e para o município de Formosa. A inauguração desses leitos dobra a capacidade da Unidade de Terapia Intensiva e aumenta o número de pacientes que poderão ser tratados. É uma conquista imensa, que deve ser muito comemorada”, afirma Vânia Fernandes, diretora-geral do hospital.

Com essa ampliação, o hospital passa a ter 20 leitos críticos compostos por equipamentos de alta tecnologia, como ventiladores pulmonares, monitores multiparamétricos, eletrocardiógrafos, entre outros. A ala dedicada aos pacientes diagnosticados com a Covid-19 ainda conta com 23 leitos de enfermaria e 3 na Sala Vermelha.

Desde junho, o HRF atendeu mais de 10,5 mil pacientes no Pronto-Socorro Covid-19, realizou mais de 20 mil exames, dentre eles, análises clínicas, eletrocardiograma, ultrassonografia e PCR, além de dar alta para mais de 320 pacientes que precisaram de internação. Após o período de pandemia, os 46 leitos disponíveis na Ala Covid-19 serão repassados ao município para receber pacientes críticos e semicríticos com outras patologias.

É importante ressaltar que os leitos disponíveis no hospital, assim como todos os demais da rede pública estadual, são regulados pela Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO) e podem receber pacientes de qualquer região, de acordo com a vagas e perfil clínico dos pacientes.

Atendimento geral

Mesmo com a alta demanda da Covid-19 em todo o País, HRF permanece atendendo pacientes com outras enfermidades. O Pronto-Socorro Geral está disponível 24 horas por dia, para oferecer à população todo o suporte necessário. Desde junho de 2020, o hospital realizou mais de 35,5 mil atendimentos e 80 mil exames.

A estrutura para receber os pacientes em outras especialidades conta com 16 leitos de cínica médica, 4 de observação, 12 destinados a parturientes, 2 de neonatologia, 3 de pré-parto, 4 de clínica cirúrgica e 3 de emergência na Sala Vermelha.

“Estamos de portas abertas para receber todas as pessoas que precisarem de atendimento médico. Possuímos uma estrutura que garante a segurança de todos os pacientes, tendo em vista que o Pronto-Socorro Geral e Covid estão separados”, garante a diretora-geral.

Nenhum comentário:

Postar um comentário